Pular para o conteúdo principal

Lagoa da Pampulha
Foto: Qu4rto Studio

Observatório do Turismo realiza pesquisa no Conjunto Moderno da Pampulha

criado em 10/10/2022 - atualizado em 10/10/2022 | 15:59

Para promover, divulgar e consolidar o potencial turístico do Conjunto Moderno da Pampulha, em atendimento ao que recomenda a Unesco para a manutenção do título de Patrimônio Cultural da Humanidade, a Belotur está realizando uma pesquisa para avaliar a experiência, estrutura e os serviços da região com moradores, turistas e frequentadores do entorno. 

O intuito é compreender as demandas e avaliações destes ambientes com dados e informações para elaborar e aprimorar as políticas públicas de turismo, planejamento e estruturação do produto ‘Conjunto Moderno da Pampulha’. A pesquisa já foi aplicada nos dias 24 e 25 de setembro e 08 e 09 de outubro e terá continuidade nos dias 12 e 15 deste mês. Ela está sendo realizada nos seguintes locais: Casa Juscelino Kubitschek, Zoológico e Jardim Botânico, Parque Ecológico Francisco Lins do Rêgo, Mineirão, Igreja São Francisco de Assis e na Casa do Baile. 

De acordo com Gilberto Castro, presidente da Belotur, a pesquisa de opinião é importante para o planejamento e execução de ações públicas voltadas para o turismo e para a melhora da experiência dos moradores nos equipamentos de lazer e entretenimento da região. “O principal objetivo da pesquisa é monitorar o uso e a percepção dos moradores e dos turistas em relação ao Conjunto Moderno da Pampulha, reconhecido como Patrimônio Cultural da Humanidade pela Unesco. Vale considerar ainda que além da relevância turística, os atrativos da Pampulha também vêm sendo utilizados cada vez mais pela população local, sendo ele um importante parque urbano de Belo Horizonte, espaço de lazer, práticas esportivas e de entretenimento na região”, afirma Gilberto. 

A pesquisa, uma das ações do Plano de Desenvolvimento da Pampulha, foi realizada anteriormente nos anos de 2018 e 2019. O estudo busca também disponibilizar uma série histórica de dados para secretarias e órgãos da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte, academia e para o trade turístico. Posteriormente, o resultado do levantamento será divulgado para estabelecer o plano de ações.