Pular para o conteúdo principal

 Manutenção preventiva no Complexo da Lagoinha causa alterações no trânsito
Foto: Divulgação/PBH

Manutenção preventiva no Complexo da Lagoinha causa alterações no trânsito

criado em 25/05/2021 - atualizado em 31/05/2021 | 11:08

A Prefeitura de Belo Horizonte está realizando uma série de intervenções preventivas em viadutos e contenções no Complexo da Lagoinha, sendo necessárias interdições pontuais ao longo do trabalho. Ao todo, três viadutos do complexo receberão os serviços, além um muro de arrimo no local. 

 

Neste momento, o acesso à pista do MOVE do Túnel da Lagoinha, sentido Centro/Bairro, está interditada. Os ônibus irão trafegar pela pista mista (sentido Centro / Bairro) retornando à pista do MOVE após a saída do túnel, próximo ao cruzamento da rua Pitangui. Faixas de pano e sinalização orientam os motoristas que devem reduzir a velocidade e trafegar com atenção na região.  

 

Os trabalhos são de responsabilidade da Superintendência de Desenvolvimento da Capital (Sudecap) e a previsão de conclusão dos serviços é em até cinco meses. O investimento nesta etapa é de aproximadamente R$ 800 mil. 

 

Outras estruturas do Complexo da Lagoinha receberam recentemente serviços de manutenção. Ainda neste ano o Viaduto Oeste recebeu novas muretas centrais de concreto armado e, no final do ano passado, os túneis do complexo também passaram por recuperação e a região recebeu nova iluminação de LED, mais segura e econômica. 

 

Essas obras fazem parte do programa de manutenção preventiva da Prefeitura de estruturas chamadas “Obras de Arte Especiais” (OAE´s), que incluem viadutos, pontes, trincheiras e passarelas, conforme explica o superintendente da Sudecap, Henrique Castilho. 

 

“As OAE´s sofrem desgastes ao longo do tempo e por isso eventualmente é necessário realizar intervenções para manter um bom estado de preservação e prolongar sua vida útil. Este é um trabalho de natureza continuada, executado em toda a cidade”, afirma o superintendente.