Pular para o conteúdo principal

Mais de vinte praticantes de Liang Gong posam para foto no Parque Jacques Costeau.
Foto: Fabiana Rosa/PBH

Lian Gong comemora dez anos na Regional Oeste

27/11/2017 | 12:41 | atualizado em 27/11/2017 | 17:07

Em comemoração aos dez anos do Lian Gong na região Oeste de BH, a Diretoria Regional de Saúde promoveu, no último sábado, dia 18 de novembro, uma programação especial no Parque Jacques Cousteau, bairro Betânia. O Lian Gong em 18 Terapias é uma prática corporal fundamentada na medicina tradicional chinesa que trabalha o corpo e a mente, na busca do prolongamento da vida com qualidade, além de enfatizar a abordagem de integração do ser humano com a natureza.
 

Para que todos entrassem no clima da festa, a educadora física Lílian Barbosa, do Programa Academia da Cidade, coordenou o aquecimento com um alongamento para os presentes. Em seguida, houve uma apresentação do Grupo Rosas de São Bernardo que encantou a todos com cantigas de rodas que convidou o público a refletir sobre temas de extrema relevância, como a preservação do meio ambiente e a importância da prevenção do câncer. 
 

Uma grande aula do Lian Gong foi ministrada pela instrutora Selma Nascimento e não deixou ninguém ficar parado. Rozélia Rezende Jorge, de 67 anos, e Nilton Mandel, 71, com parafusos nos ombros após várias cirurgias, são alguns dos alunos que trocaram os analgésicos pela prática de Lian Gong. Eles praticam a ginástica há 4 anos e estavam entre as mais de 100 pessoas que participaram do evento.
 

Segundo Gecy Marques Barreiros, 80, a prática de Lian Gong trouxe muitos benefícios. “Percebi que os movimentos do meu corpo melhoraram e, além disso, favoreceu a minha convivência social. No meu caso, a pressão ficou mais controlada, tenho mais disposição e até o humor melhorou”, disse.
 

O encerramento do evento ficou por conta de um lanche compartilhado e da apresentação de Músicas Autorais do Centro de Convivência Oeste, desenvolvidas nas oficinas do monitor Rafael Sales. Karina, cantora e bailarina da mostra, foi um show à parte por seu entusiasmo, carisma e empolgação.
 

O evento contou com a presença da diretora regional de Saúde Regina da Cunha. “Foi com muita alegria que comemoramos os dez anos de realização do Lian Gong na Regional Oeste. Estamos em festa sempre com esta importante ação de promoção à saúde, porque o que queremos é viver e envelhecer com qualidade. O Lian Gong, além de contribuir para a melhoria da qualidade de vida dos participantes, permite um espaço de socialização e estreita o vínculo entre as nossas unidades de saúde e os usuários”, comemorou Regina.
 

Vânia Duarte, referência técnica da prática na Diretoria de Assistência à Saúde, também esteve presente ao evento, representando a Coordenação do Lian Gong em 18 Terapias da Secretaria Municipal de Saúde.

 

Serviço

Oferecido gratuitamente pela Prefeitura de Belo Horizonte (PBH) na regional Oeste, o Lian Gong conta com 29 instrutores trabalhando a ginástica terapêutica em todas as suas unidades de saúde, totalizando mais de 800 praticantes.
 

Referência técnica do programa Lian Gong 18 Terapias Oeste, Irlene Parreira falou sobre a repercussão positiva da prática para os usuários da regional: “Fico muito satisfeita com a resposta positiva da população. Temos um número expressivo de praticantes na Oeste, o que mostra o envolvimento da equipe dos nossos 29 instrutores que são bastante comprometidos e responsáveis por esse sucesso. Nossa meta é expandir ainda mais, beneficiando um número maior de pessoas.”