Pular para o conteúdo principal

Guarda Municipal de Belo Horizonte comemora 14 anos

25/08/2017 | 16:16 | atualizado em 21/03/2018 | 14:36

Na manhã desta sexta-feira, dia 25 de agosto, a Guarda Municipal de Belo Horizonte (GMBH) realizou uma solenidade em comemoração aos 14 anos de sua fundação na capital. A data foi celebrada com homenagens, um tradicional bolo de aniversário e com a apresentação da Banda de Música da GMBH. Criada em 2003, com base na Lei Municipal 8.486, e subordinada à Secretaria Municipal de Segurança Urbana e Patrimonial, a GMBH conta com um efetivo de 2.070 agentes e, atualmente, mantém ações bem-sucedidas de prevenção e combate à violência, como a operação Viagem Segura, a operação Sentinela e a operação de combate à ação de flanelinhas.
 

Durante a comemoração, o Comandante da Guarda Municipal, Rodrigo Sérgio Prates, lembrou a importância do trabalho dos profissionais e destacou a presença do prefeito Alexandre Kalil na sede do órgão de segurança. “Estamos comemorando 14 anos de muito trabalho e sacrifício. Em um cenário recente de muitos avanços e conquistas, temos a honra de receber o prefeito Alexandre Kalil, pela primeira vez, na sede da Guarda Municipal. O prefeito reconhece a polícia local e valoriza o poder que ela tem para desenvolver seu trabalho de forma integrada, para proporcionar uma vida melhor para os cidadãos de Belo Horizonte”, disse o comandante.

 

Redução da violência

O prefeito Alexandre Kalil ressaltou que a redução da violência na capital está relacionada à valorização da Guarda Municipal. “A violência em Belo Horizonte caiu 14% em seis meses. Ao contrário do que vemos em todo o Brasil, em BH a violência está caindo. O que fizemos nesses primeiros seis meses nada mais foi do que, em um momento de crise, dar importância à Guarda, que será cada vez mais valorizada. A população clama por segurança e prevenção. Por isso, eu digo que a Guarda Municipal é tão importante quanto a Polícia Civil e a Polícia Militar”, afirmou.
 

Exercendo inicialmente uma função voltada para a defesa do patrimônio público municipal, com patrulhamentos das unidades de ensino, saúde, lazer e demais estruturas da Prefeitura de BH, além de orientar e proteger os agentes e usuários desses serviços, a Guarda Municipal teve seu campo de atuação ampliado, a partir de janeiro de 2017, com base nas determinações da Lei Federal 13.022/2014, que dispõe sobre o Estatuto Geral das Guardas Municipais no país. A mudança levou a GMBH a se tornar uma Polícia Comunitária Preventiva, empenhada na manutenção da ordem pública também em espaços externos, localizados no entorno dos prédios da Prefeitura.
 

 

25/08/2017. 14º aniversário da Guarda Municipal de BH. Fotos: Amira Hissa/PBH