Pular para o conteúdo principal

Festival "Monstra de Salão" debate abordagens da dança no Teatro Marília
Foto: Gilberto Goulart

Festival "Monstra de Salão" debate abordagens da dança no Teatro Marília

criado em 30/08/2022 - atualizado em 30/08/2022 | 17:18

O Teatro Marília e o Centro de Referência da Dança de Belo Horizonte - CRDançaBH recebem, nesta terça-feira (30) a domingo (4), programação da Monstra de Salão, festival de dança dedicado às abordagens contemporâneas e inovadoras das danças de salão. Entre as atividades estão oficinas, mesas de debate, apresentações de cenas curtas e performances. Todas as atividades são gratuitas. A programação completa dos teatros municipais pode ser acessada no Portal Belo Horizonte.

 

Idealizado por Debora Pazetto e Samuel Samways, "Monstra de Salão" é um festival que apresenta questionamentos urgentes sobre as danças de salão tradicionais - sobretudo quando são transpostas para os palcos. O evento critica os estereótipos e preconceitos existentes nesta modalidade da dança, e estimula criativamente a aceitação das diferenças na vida e na arte.

 

O nome da mostra parte da ideia de que "Monstra" é uma anti-vitrine, uma subversão das mostras convencionais de dança e, por não ter medo de se assumir como criatura incerta, ela mostra o que geralmente não se mostra.

 

Em sua primeira edição, o festival coloca em debate raça, gênero e deficiência física na dança através de uma programação de espetáculos, palestras, mesa redonda, oficinas, festas, bailes, jams e uma edição especial do Forró Queer, acontecendo em diversos espaços culturais da cidade.

 

Programação

 

Nesta terça-feira (30), o palco do Teatro Marília recebe a primeira atração do festival, que integrará o Terça da Dança. O projeto é uma iniciativa da Secretaria Municipal de Cultura e da Fundação Municipal de Cultura que apresenta artistas independentes e grupos profissionais oferecendo uma programação contínua, composta por apresentações artísticas e ações formativas e reflexivas, sempre às terças-feiras.

 

Às 19h, a "Mostra e Monstra" promove apresentações de cenas curtas e coreografias. No mesmo dia, às 20h30, a atração "Monstra" promove 30 minutos de improvisação entre artistas que participam do festival e convidados.

 

Nesta quarta-feira (31), o CRDançaBH recebe, às 10h, a "Oficina Dança de parceria", com os dançarinos de tango Lidiane Emmerich e Gabriel Ferreira (Florianópolis). Já às 19h, será realizada a mesa redonda "Negritudes na Dança de Salão", com a presença de Luiza Machado (BH), Carlos Henrique (SP) e Rodrigo Antero (BH), no auditório do Teatro Marília.

 

Na quinta-feira (1), o CRDançaBH recebe, às 10h, a oficina “Forró Ancestral” com os artistas cearenses Clarissa Costa e Éder Soares. Às 19h, será realizada a  palestra oficina "Antidamas: corpas em rebelião nas danças de salão",  com Paola Vasconcelos (Rio de Janeiro).

 

O CRDançaBH recebe, nesta sexta-feira (2), às 10h, a Oficina Fundamentos da dança de salão, com Juliana Macedo (BH - Mimulus). No mesmo dia, às 19h, o Teatro Marília será palco do espetáculo Felizes para sempre - Dança Libras, com Clarissa Costa e Jhon Morais.

 

Finalizando as atividades, no sábado (3), a oficina "Danceability", com a bailarina Renata Mara (BH), apresenta método que considera as múltiplas habilidades e a diversidade de corpos, contemplando pessoas com e sem deficiência.

 

Todas as oficinas são gratuitas com limite de participantes, sendo 20 vagas por atividades. O público interessado deve se inscrever previamente. Informações completas no contato (31) 8322-1536.

 

Além das atrações no equipamento cultural, a “Monstra de Salão” também estará presente com programações durante a Virada Cultural, com oficina, baile e espetáculo no domingo (4).

 

 

Monstra de Salão

Teatro Marília e o Centro de Referência da Dança de Belo Horizonte - CRDançaBH (Av. Prof. Alfredo Balena, 586 - Santa Efigênia)

De 30 de agosto a 4 de setembro

Entrada gratuita

Mais informações: portalbelohorizonte.com.br