Pular para o conteúdo principal

Homem vê cartaz inclinado escrito: "Avenida Fleming: cinema, arte e paixão".
Foto: César Gilcevi

Exposição no MIS Cine Santa Tereza aborda a cultura cinematográfica em MG

26/06/2018 | 19:19 | atualizado em 05/11/2018 | 14:54

A Fundação Municipal de Cultura (FMC) recebe até o dia 8 de julho, no MIS Cine Santa Tereza, a exposição “Minas Entre-Cenas”. Inspirada na produção cinematográfica, a mostra remete a um set de filmagem e convida o visitante a experimentar perspectivas de diferentes personagens envolvidos com o ofício do cinema: roteirista, diretor, ator, sonoplasta, projecionista, expectador. A exposição pode ser visitada de terça a sexta-feira, das 10h às 21h, e nos sábados, domingos e feriados, das 16h às 21h. A entrada é gratuita.

 

A exposição “Minas Entre-Cenas” é fruto de uma parceria entre o curso de Museologia da UFMG e o Museu da Imagem e do Som (MIS). A exposição foi desenvolvida pelos alunos do 6º período, no âmbito das disciplinas Exposição Museológica e Conservação em Museus, oferecidas no segundo semestre de 2017 e no primeiro semestre de 2018.

 

Os objetos em exposição revelam o exercício de curadoria e pesquisa que buscou abordar aspectos da cultura cinematográfica em Minas Gerais, no início do século XX, dando destaque aos processos de criação, produção e divulgação de produções da época. Foram selecionados, principalmente, objetos do acervo de Igino Bonfioli, pertencente à Escola de Belas Artes (EBA) da UFMG, e do acervo tridimensional do MIS. Além desses, uma vasta pesquisa de imagens, fotografias, revistas e filmes foi realizada no BCC Cinemateca, APCBH, IEPHA, Biblioteca da EBA UFMG e PUC Minas para ilustrar a narrativa.

 

O ambiente da produção cinematográfica é representado por câmeras, projetores, fotografias, películas, figurinos e efeitos de sonoplastia de filmes da época. As primeiras projeções e as experiências dos espectadores são focalizadas nas Salas de Cinema, lugares privilegiados de atividades de lazer e de socialização, no início do século XX.

 

Em Belo Horizonte, fazem parte da história os cines Floresta, Odeon, Santa Tereza, Avenida, Metrópole, Pathé, Brasil e tantos outros. O documentário recente de Alfredo Alves, “Entre uma pipoca, um beijo e um drops Dulcora”, mostra diversas histórias sobre nossos cinemas de rua, até seu desaparecimento. A partir de fotogramas dessa história, a exposição “Minas Entre-Cenas” é um passeio por essas memórias.

 

Exposição Minas Entre-Cenas

Classificação livre

Até 8 de julho | terça a sexta, das 10h às 21h; sábados, domingos e feriados, das 16h às 21h

MIS Cine Santa Tereza (Rua Estrela do Sul, 89 – Santa Tereza – Praça Duque de Caxias)

Entrada gratuita