Pular para o conteúdo principal

Estudantes de escolas municipais da Pampulha assistem a palestras motivacionais

13/07/2018 | 20:17 | atualizado em 13/07/2018 | 20:17

Estudantes que cursam o 9º ano do Ensino Fundamental normalmente enfrentam o desafio de decidir o que fazer após concluir essa etapa dos estudos. Entre as opções estão as escolas técnicas federais e foi com o objetivo de oferecer informações a estudantes e professores da Rede Municipal de Educação sobre os cursos ofertados por essas instituições que a Prefeitura de Belo Horizonte (PBH), por meio da Diretoria Regional de Educação Pampulha (DIRE-P), promoveu, nos meses de junho e julho, uma série de palestras motivacionais para 1.254 estudantes do 9º ano matriculados em escolas municipais na região da Pampulha.

 

As palestras foram ministradas por técnicos educacionais dos colégios COLTEC, IFMG e CEFET, que apresentaram a estrutura e a proposta pedagógica de cada curso ofertado. Além das informações sobre os cursos, os estudantes assistiram à palestra da professora Flávia Renata Guimarães Moreira, da Gerência de Política Pedagógica, Formação e Publicação da Secretaria Municipal de Educação.

 

As estudantes da Escola Municipal Professor Amilcar Martins, na região da Pampulha, Bianca Guimarães Frois e Carla Vivian Nascimento tiveram a oportunidade de participar da palestra no dia 05/07. Bianca achou interessante, pois não conhecia todas as possibilidades de escolas e cursos que foram apresentados. A amiga Carla aproveitou para tirar dúvidas sobre as diversas opções de cursos técnicos. “Pretendo entrar no IFMG”, afirmou.

 

Para a professora de Língua Portuguesa, que trabalha atualmente no programa de Educação de Jovens e Adultos (EJA) diurno da E.M. Professor Amilcar Martins, Neffer Luiza de Aguiar Pinheiro, a palestra foi importante considerando o momento que esses estudantes vivenciam. “A palestra trouxe para os alunos informações sobre as escolas técnicas federais, mostrando que as mesmas não são tão inacessíveis como muitos pensam, pelo contrário, essas instituições estão abertas aos estudantes provenientes de escolas públicas. Basta força de vontade e interesse para conseguir uma vaga. Nada é impossível”, salientou a professora.  

 

Diretora Regional de Educação, Alessandra Luiza Teixeira explicou que esta é uma iniciativa da DIRE-P em consonância com a proposta pedagógica da Secretaria Municipal de Educação (SMED), que incentiva o protagonismo juvenil para os estudantes da rede municipal. “É preciso garantir aos estudantes da rede municipal maior acesso às vagas nas escolas técnicas federais, ampliando às possibilidades de ascensão socioeconômica e cultural”, explicou.

 

De acordo com Alessandra Luiza, a proposta inclui ainda, orientar os pais e responsáveis sobre estas possibilidades e, ao final do ano, incentivar e acompanhar as inscrições dos estudantes que se interessarem em participar do processo de seleção nos cursos oferecidos nas referidas escolas técnicas.