Pular para o conteúdo principal

Mulher carrega uma gaiola de pássaro vazia e sorri, de olhos fechados.
Foto: Bianca Aun

Espetáculo premiado reflete sobre relações humanas no Teatro Marília

05/08/2019 | 19:25 | atualizado em 06/08/2019 | 10:27

O Teatro Marília recebe, de 8 a 11 de agosto, quinta a sábado, às 20h, e domingo, às 19h, o espetáculo teatral “Uma Tendência para Alegria”, da Cia. 5 Cabeças. A peça, que reflete sobre questões existenciais e sociais da atualidade, narra o cotidiano de três pessoas que moram juntas e atravessam as estações do ano, vivendo entre o mal-estar e a esperança, compartilhando conflitos e pequenas alegrias. Os ingressos podem ser adquiridos na bilheteria do teatro por R$30,00 (inteira) e R$15,00(meia); e antecipado pelo site do Sympla.  

 

O trio de personagens é formado por Amado, figura excêntrica que, acreditando ser um cantor famoso, espera ansioso para dar entrevistas e ouvir as suas músicas na rádio; Rara Magia, uma mulher que aguarda a volta de seu filho - que nunca vem - e que faz de um vão embaixo da pia a sua morada; e Bernadet que, apesar de não ter forças para se levantar de cama, leva para dentro da casa o que acontece do lado de fora, na rua, narrando para os outros dois o que observa através de sua janela.

 

Compondo esse universo, a narrativa traz ainda a voz da Eliana, uma personagem cega que compartilha suas perspectivas sobre a vida; do Seu Cremildo, o vizinho defensor da “ordem, da família, da moral e dos bons costumes”; e uma andorinha que, como todos da sua espécie, precisa migrar em busca do verão. Segundo o diretor da peça, Ronaldo Jannotti, o texto – que tem bases em referências literárias, fílmicas e, sobretudo, da vida - reflete relações humanas viciadas. Além disso, dialoga com questões atuais como a situação sociopolítica brasileira, a falta de perspectiva de melhora e o sentimento de incompletude.

 

Os recursos dramáticos e cômicos que a linguagem possibilita, resulta em um espetáculo capaz de provocar reflexões profundas e, ao mesmo tempo, ser acessível a um público plural e diversificado. Cenários, figurinos, luz e trilha sonora foram desenvolvidos baseados em conceitos como decadência e desgaste causado pela passagem do tempo. A trilha original é assinada pelo músico Barulhista e foi elaborada com referências da música brega, erudita, heavy metal, rock e ruídos sonoros do ambiente urbano e da natureza.

 

“Uma Tendência para Alegria” recebeu prêmio de Melhor Espetáculo de Teatro Adulto e Melhor Atriz Coadjuvante (Luisa Rosa) no 4º Prêmio Copasa Sinparc de Artes Cênicas, com indicação ainda para Melhor Atriz Protagonista (Carol Oliveira), Melhor Ator Protagonista (Saulo Salomão), Melhor Texto Inédito (Saulo Salomão e Louraidan Larsen) e Melhor Figurino (Jonnatha Horta Fortes). Outros importantes e experientes profissionais colaboraram para a construção da peça, como as arquitetas Bruna Cosfer e Branca Peixoto, Felipe Cosse no desenho de luz e Babaya na preparação vocal.

 

Três pessoas, sentadas em três cadeiras, seguram guarda chuvas em cima de um palco, com iluminação direta neles.

 

Cia. 5 Cabeças

Em 2019, a Cia. 5 Cabeças completa dez anos de pesquisa contínua, desenvolvida através da criação de espetáculos teatrais originais que dialogam com a linguagem dos textos clássicos do teatro do absurdo e com o universo do realismo fantástico. O grupo já realizou cinco trabalhos, sendo quatro independentes: as cenas curtas "5 cabeças à espera de um trem", de 2009; "Pretensão", de 2011; "Sinto muito: acabaram-se os pães", de 2012; e o espetáculo "Cachorros Não Sabem Blefar", de 2011. Os quatro trabalhos possuem dramaturgia e direção de Byron O'Neill e foram contemplados com prêmios em alguns eventos e festivais pelo Brasil. 

 

O quinto trabalho, “Uma Tendência Para Alegria”, é o primeiro realizado com recursos da Lei Municipal de Incentivo à Cultura de Belo Horizonte e inaugura uma nova fase do grupo: Ronaldo Jannotti e Saulo Salomão, até então atores da companhia, assumem novas funções. Ronaldo estreia na direção teatral e Saulo, além de atuar, assina com o escritor Louraidan Larsen a dramaturgia. 

 

 

Uma Tendência para Alegria

Classificação: 12 anos

De 8 a 11 de agosto | quinta a sábado, às 20h |domingo, às 19h

Teatro Marília - Avenida Prof. Alfredo Balena, 586 – Santa Efigênia

Ingressos: R$30,00 (inteira); 15,00 (meia) na bilheteria do teatro; antecipado via site do Sympla.

Informações para o público: (31) 3277-6319