Pular para o conteúdo principal

Vice-prefeito de Belo Horizonte, Fuad Noman, o secretário de Estado de Infraestrutura e Mobilidade, Fernando Marcato e prefeita de Contagem, Marília Campos, durante reunião
Foto: Divulgação/ Prefeitura de Contagem

Comitê Gestor cria convênio para viabilizar obras de controle de cheias

12/02/2021 | 18:43 | atualizado em 13/02/2021 | 22:24

O vice-prefeito de Belo Horizonte, Fuad Noman, e o secretário de Estado de Infraestrutura e Mobilidade, Fernando Marcato, se reuniram na última quarta-feira, dia 10, com a prefeita de Contagem, Marília Campos. O encontro teve como objetivo criar um convênio para viabilizar as intervenções necessárias para o controle de cheias do Ribeirão Arrudas e dos córregos Ferrugem e Riacho das Pedras, que atingem a avenida Teresa Cristina.    

 

O Comitê Gestor foi criado no último mês para definir soluções conjuntas para as obras de macrodrenagem dos municípios de Belo Horizonte e Contagem. Dando sequência às ações, as equipes que compõem o grupo técnico estão visitando, revisando e orçando os projetos que serão feitos para mitigar os riscos e evitar inundações.

 

Atualmente, está em andamento em Belo Horizonte a Bacia das Indústrias, que também contribuirá para diminuir os impactos das chuvas na região da avenida Teresa Cristina. A bacia será capaz de deter 120 milhões de litros d´água, liberando esse volume aos poucos para não sobrecarregar o canal do ribeirão Arrudas. O investimento é de R$ 28,9 milhões.