Pular para o conteúdo principal

Usuários de Centro de Saúde cultivando mudas em horta comunitária

Centros de Saúde oferecem hortas comunitárias para usuários

05/11/2018 | 13:47 | atualizado em 08/11/2018 | 10:17
Quem planta com amor, colhe saúde. Com cuidado e dedicação, surgiu há cerca de dez anos, em um pequeno espaço atrás do Centro de Saúde Conjunto Betânia (rua Onã, 105 - Conjunto Betânia), uma horta de plantas medicinais com mudas doadas pela comunidade e servidores. São plantas como melissa, erva cidreira, manjericão, hortelã, poejo e hortelã silvestre. A iniciativa partiu da necessidade que as Agentes Comunitárias de Saúde (ACS) da unidade tinham em conseguir ingredientes para o tradicional “Chá da Paz”, servido para comunidade e usuários às segundas-feiras, às 8h.

“O Chá da Paz existe há dez anos. No começo nós trazíamos as ervas de casa ou conseguíamos doações, até que decidimos que aqui dava para fazer uma horta. Fizemos uma mobilização, plantamos a horta e hoje, além do chá, já chegamos a distribuir mudas aos usuários”, conta a agente Rita de Souza Gonçalves Batista.
Toda segunda-feira, enquanto os usuários aguardam atendimento e tomam o chá, profissionais da unidade repassam informações relacionadas à saúde e bem-estar, como exercícios de respiração e postura. A aposentada, Inês Nunes de oliveira, 54 anos, ficou surpresa ao ser chamada para participar do Chá da Paz, ela estava no Centro de Saúde acompanhando o marido em uma consulta. “Foi inesperado. Um momento muito gostoso. Adorei a mensagem sobre saúde e o chá”, relatou.
 

Colhendo frutos

Outras unidades de saúde de Belo Horizonte também têm investido na implantação de horta comunitária. O Centro de Saúde Cachoeirinha mantém há um ano uma horta ativa de aproximadamente 60 metros quadrados. A iniciativa foi do pediatra José Maria Fernandes e a manutenção do espaço conta com apoio dos trabalhadores. Na horta há tomate, beterraba, alface, rúcula, cebolinha, salsa, jiló, cenoura, repolho, espinafre, quiabo, almeirão e acelga. Também há frutas como jabuticaba, amora, acerola, cereja, bacupari, banana, goiaba e grumixama e ervas medicinais como babosa, boldo, manjericão, hortelã, dentre outros. As plantas, ervas e frutas estão disponíveis aos usuários que frequentam o Centro de Saúde. 

Em outubro, trabalhadores da Secretaria Municipal de Saúde se mobilizaram para fazer uma horta no prédio sede, localizado na região central de Belo Horizonte. Foram plantadas mudas de alface, beterraba, cebolinha e salsinha e várias ervas medicinais em oito canteiros devidamente preparados. “A horta, além de incentivar a alimentação saudável, também proporciona momento de relaxamento e integração entre os servidores”, explicou Carla de Castro, da Gerência de Promoção à Saúde da SMSA.
 

05/11/2018. Hortas comunitárias para aumentar a saúde. Fotos: PBH/Divulgação