Pular para o conteúdo principal

Reunião on-line
Foto: Divulgação

BH está entre as seis cidades finalistas do World Smart City Awards 2021

criado em 17/11/2021 - atualizado em 17/11/2021 | 17:42

Pelo terceiro ano consecutivo, Belo Horizonte foi uma das finalistas no maior prêmio internacional para Cidades Inteligentes. Realizado nesta quarta-feira, dia 17, a premiação World Smart City Awards 2021 aconteceu dentro do principal evento mundial sobre Cidades Inteligentes, o Smart City World Expo. No encontro on-line sediado em Barcelona, Espanha, o município concorreu ao prêmio na categoria “City Award” (Prêmio Cidade), que é concedido às cidades por estratégias globais que combinam projetos, iniciativas e políticas para os cidadãos, sendo a premiação a mais importante do evento. 

A Prefeitura de Belo Horizonte foi uma das finalistas com o programa Belo Horizonte SMART. “Trata-se de  um conjunto interdependente de ações engajadas em abordagens de cidade inteligente, aperfeiçoando a eficiência operacional e desenvolvimento sustentável, além de também fortalecer as capacidades de resposta de administração municipal com tecnologias para melhorar a qualidade de vida da população, serviços públicos eficientes e ação transversal dos seus órgãos”, explicou o secretário adjunto de Planejamento, Orçamento e Gestão e subsecretário de Modernização da Gestão, Jean Mattos, que representou a Prefeitura na cerimônia on-line. 

Fazem parte deste programa ações como o  PBH App, o Centro de Operações da PBH, o Programa de Inclusão Digital da Prodabel, SIU Mobile, a Biofábrica de Joaninhas, os programas de Agroecologia, o Horizonte Criativo e Horizonte 2030, entre outros. 

Belo Horizonte concorreu com outras cinco cidades: Buenos Aires (Argentina), que venceu o prêmio, São Petersburgo (Rússia), Sidney (Austrália), Nova Iorque (Estados Unidos), Sunderland (Reino Unido). 

World Smart City Awards 

O World Smart City Awards (WSCA) é um evento anual com o propósito de identificar, reconhecer e apoiar estratégias urbanas inovadoras, projetos e ideias que podem potencialmente ter um impacto na vida dos cidadãos, tornando as áreas urbanas em todo o mundo mais habitáveis, ambientalmente sustentáveis e economicamente prósperas, além de estimular a diversidade, a inclusão social, a equidade, a segurança e colaboração, melhorando assim a qualidade de vida de todos os habitantes.

Reconhecimentos anteriores 

Em 2020, Belo Horizonte também foi uma das cidades finalistas do World Smart City Awards com o programa Belo Horizonte SMART. A capital foi única finalista das Américas e concorreu pela principal categoria "City Award" (Prêmio Cidade), ao lado de Yokohama (Japão), São Petersburgo (Rússia), Lisboa (Portugal), Tampere (Finlândia) e Shanghai (China). 

Já em 2019, o projeto Programando Sonho Delas foi o destaque na categoria Cidades Inclusivas e Compartilhadoras neste mesmo evento. Desenvolvido pela Prodabel, o programa tem o objetivo de ensinar linguagens de programação a mulheres em situação de vulnerabilidade social e contribuir para a inserção das participantes no mercado de trabalho. Mais de 450 projetos de 54 países foram inscritos no concurso.