Pular para o conteúdo principal

Cartões de trânsito
Divulgação PBH

BH em Pauta: Cartão de vantagens

21/06/2017 | 14:27 | atualizado em 23/06/2017 | 08:18

Cerca de 74% dos 408,2 mil usuários do transporte coletivo por ônibus de Belo Horizonte já utilizam uma das modalidades do Cartão BHBUS. O universitário Pedro Baccarini, de 21 anos, usuário de um Cartão Identificado, mora em Lourdes e estuda no campus Pampulha da UFMG. Diariamente, ele pega três ônibus: “A rapidez para passar na roleta, o fato de não existir problema de troco e a possibilidade de integração são fatores determinantes para usar o cartão. Outra vantagem é a possibilidade de continuar a pagar a tarifa antiga durante um tempo, quando há aumento”, afirma o estudante, enumerando as vantagens que usufrui por ter um BHBUS.
 

De fato, os benefícios geram alguns confortos aos usuários com cartão, que ganham, por exemplo, agilidade no embarque. O acesso à meia-tarifa é outra vantagem. O passageiro pode pegar um segundo ônibus, no período de uma hora e meia, pagando a metade do preço da passagem. Já aos domingos e feriados, é possível pegar dois ônibus pagando no máximo R$ 4,05, um incentivo para que as pessoas aproveitem mais as opções de lazer da cidade e  utilizem as muitas possibilidades de integração do sistema municipal de transporte por ônibus.
 

Em linhas com valores diferenciados, o complemento no segundo deslocamento será apenas para se chegar ao valor de R$ 4,05, que é tarifa máxima praticada aos domingos e feriados, respeitadas as demais regras da integração tarifária.
 

O Transfácil, consórcio das empresas operadoras responsável pelo cadastramento, confecção e distribuição do Cartão BHBUS, cita como outro benefício para os usuários as variadas opções de locais nos quais é possível adquirir e recarregar os cartões das modalidades Usuário ao Portador e Identificado. Esse serviço está disponível nas estações de transferência do MOVE, nas estações de integração BHBUS, nas estações do metrô e nos postos. Os cartões também podem ser recarregados em todos os ônibus do sistema de transporte coletivo da capital, com valor máximo de R$ 10 por viagem. Confira no link os locais.


Dilma Magalhães, 86, mora no Gutierrez e utiliza o transporte público para se deslocar pela cidade. “Usava minha carteira de identidade, mas muitas vezes os assentos destinados às pessoas idosas estavam todos ocupados. Resolvi fazer o Cartão BHBUS Master. Foi facílimo. Agora, posso acessar a parte traseira dos ônibus, onde existe um número maior de assentos preferenciais”, observa ela. O Cartão BHBUS Master é especial para as pessoas com mais de 65 anos, que podem usar o transporte público gratuitamente.

 

Conheça as modalidades do cartão

Cartão BHBUS Vale-Transporte - Adquirido pelos empregadores e fornecido aos empregados. Em caso de perda, roubo ou dano, o empregador deverá ser comunicado e deve repassar a informação ao Transfácil.
 

Cartão BHBUS Usuário – Pode ser adquirido por qualquer usuário nas modalidades ao Portador e Identificado. Na modalidade Portador, não pode ser bloqueado e não permite ressarcimento dos créditos. Já na modalidade Identificado, em caso de perda ou roubo, o cartão pode ser bloqueado e os créditos remanescentes poderão ser transferidos para uma segunda via.


Cartão BHBUS Master – Destinado ao usuário com idade igual ou superior a 65 anos que deseja transpor, de forma gratuita, a roleta dos veículos integrantes do sistema de transporte público gerenciados pela BHTrans. Os que preferirem, podem viajar na parte dianteira do ônibus, bastando apresentar um documento de identidade. Para adquirir o cartão, o cidadão deve se dirigir ao BH Resolve (Avenida Santos Dumont, 363, Centro), onde fará um cadastro para produção do cartão personalizado. O cartão é emitido na hora e o beneficiário pode utilizá-lo de imediato. Os documentos necessários para ter direito ao cartão são os originais da carteira de identidade e de um comprovante de endereço (conta de água, luz, telefone ou IPTU).
 

Meio passe estudantil – O meio passe estudantil é um benefício oferecido pela PBH e corresponde a um desconto de 50% do valor da tarifa paga nos serviços de transporte coletivo de passageiros do município, no percurso entre a residência e a escola do estudante. É destinado a estudantes do ensino médio e fundamental e que residam a 1 km ou mais da escola que frequentam. Os estudantes que se enquadram no perfil devem preencher a pré-inscrição no link do Meio Passe.
 

Gratuidade no Transporte Coletivo – A gratuidade no transporte coletivo em Belo Horizonte será concedida aos usuários que a ela fazem jus na forma da lei ou de atos regulamentares, tais como: idosos, carteiros, agentes de inspeção do Ministério do Trabalho, oficiais de Justiça, usuários com deficiência física auditiva, visual, mental e doentes renais em terapia renal substitutiva.


Últimas Notícias

Fachada do Hospital Metropolitano Hospital Metropolitano Dr. Célio de Castro promove segunda edição de caminhada

O evento vai reunir trabalhadores, familiares e a comunidade do Barreiro, e tem como mote a sensibilização contra o sedentarismo. 

11/12/2019 | 18:04
mapa Operação de trânsito e transportes para Duelo de MCS, na Praça da Estação

A Prefeitura realiza operação de trânsito e transporte para o Duelo Nacional de MCs, com público previsto de 20 mil pessoas.

11/12/2019 | 16:00