Pular para o conteúdo principal

Os cães Cravo e Sila brincam no jardim da casa de Olívio Mangerona, sentado ao fundo.
Foto: Gabriel Albuquerque

BH em Pauta: Adote um Amigo

01/06/2017 | 15:57 | atualizado em 05/06/2017 | 15:35

Histórias de pessoas e cães

    Nínive Parise e Olívio Mangerona se conheceram na cidade de Ouro Preto, onde ambos cursaram o ensino superior. Nínive formou-se em Nutrição e Olívio, em Direito. Já graduados, mudaram-se para Belo Horizonte, em busca de realização profissional. Em 2015, casaram-se e, desde então, moram em uma casa com um agradável espaço ao ar livre, gramado e arborizado.

 

    Os cães Sila e Cravo ainda não tinham esses nomes quando foram resgatados pelo Centro de Controle de Zoonoses (CCZ). Antes do resgate, eles encontravam-se em condição de abandono, necessitando de cuidados. Ao serem resgatados pelo CCZ, foram examinados, castrados, vermifugados, vacinados, receberam um microchip subcutâneo de identificação e foram encaminhados para a adoção. Após serem acolhidos pela ONG Sexta Feira, Sila e Cravo foram adotados pelo casal Nínive e Olívio.

34581583550_ea106fb26e_k.jpg34928428646_54a6d3ac58_z.jpg

 

Programa Adote um Amigo

    O programa Adote um Amigo é realizado por meio de uma parceria entre a Prefeitura de Belo Horizonte (PBH) e a ONG Sexta Feira. O programa promove, dentre outras ações, feiras de adoção de cães e gatos resgatados e recuperados pelo Centro de Controle de Zoonoses, órgão da Secretaria Municipal de Saúde (SMSA). As feiras de adoção são realizadas semanalmente, a cada sábado, em uma região diferente da cidade.

 

    Após a escolha dos cães, os adotantes passam por uma entrevista, recebem orientações de um veterinário e assinam um termo de compromisso, autorizando voluntários do programa a agendarem visitas à nova casa do animal, as chamadas visitas pós-adoção. Nessas visitas, dentre outros quesitos, são avaliadas a adaptação do animal ao novo ambiente e a sua relação com as pessoas que o adotaram. O objetivo das visitas é certificar-se de que os animais estão sendo bem cuidados e de que não serão abandonados novamente.

 

Pós-adoção

 

    Há mais de 20 anos, a psicóloga Flávia Damato trabalha como protetora de animais. Atualmente, ela faz parte do programa Adote um Amigo, como uma das responsáveis pelas visitas pós-adoção. No dia 11 de maio de 2017, Flávia fez uma visita à casa de Nínive e Olívio. Ela ficou feliz ao ver Sila e Cravo brincando no gramado em frente à casa.

 

Olívio conta que quando ele e sua esposa foram à feira de adoção, em setembro de 2016, Sila tinha uma aparência um tanto triste, mantendo-se quieta e cabisbaixa, dentro de um dos cercados dispostos na feira. Nínive se encantou com a cadelinha e, ao colocá-la entre os braços, começou a chorar. Pronto. A escolha tinha sido feita. Sila acabara de ganhar um lar.

 

Já no início de maio de 2017, o casal resolveu adotar mais um cão acolhido pelo programa e compareceu a mais uma feira. Cravo, com apenas uma semana de adoção, adaptou-se muito bem ao novo lar e à nova família. A psicóloga Flávia terminou a visita pós-adoção certa de que esses dois cães resgatados pela PBH e acolhidos pela ONG Sexta Feira, como tantos outros, encontraram adotantes responsáveis. 

 

Acesse o link e conheça a história do cão Fiapinho, que também encontrou um lar por meio do Programa Adote um Amigo: 

 

Serviços

    As feiras de adoção do Programa Adote um Amigo são realizadas semanalmente, a cada sábado, em uma região diferente da cidade. Para se informar sobre as feiras e outras ações do programa, acesse o site, clicando na imagem:

Adote_um_Amigo (1).png

    O Centro de Controle de Zoonoses oferece serviços gratuitos de vacinação, castração e adoção de cães e gatos. Para mais informações, ligue:

phone_icon-icons.com_65958.png  3277-7411 e 3277-7413.

Castração de cães - Zélia Santos -PBH
Castração de cães - Zélia Santos -PBH
Castração de cães - Zélia Santos -PBH
Castração de cães - Zélia Santos -PBH
Castração de cães - Zélia Santos -PBH
Castração de cães - Zélia Santos -PBH