Pular para o conteúdo principal

Cinco garotos brincam de pebolim (totó); ao fundo, crianças brincam no BH é da Gente da avenida Silva Lobo.
Foto: Vilma Tomaz/PBH

 BH é da Gente vira referência na avenida Silva Lobo

09/05/2018 | 15:03 | atualizado em 13/06/2018 | 17:22
Giulia Sales, de apenas sete anos, escalava com todo o cuidado a “montanha inflável”, mais conhecida como torre de escalada. Orgulhosa, mas com o olhar atento de mãe, Bruna Sales, de 32, acompanhava o desempenho aventureiro da filha. A cena em questão aconteceu no primeiro domingo de maio, na avenida Silva Lobo, durante o BH é da Gente, um programa dominical recreativo em espaço urbano que é realizado pela Prefeitura de Belo Horizonte  por meio da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer. “Venho aqui a pé e a minha filha curte gratuitamente o acesso a vários tipos de brinquedos”, afirmou Bruna, explicando que Giulia estava utilizando a torre de escalada pela segunda vez no local. 

Inicialmente realizado na Savassi, o BH é da Gente foi ampliado em abril passado e passou a acontecer também na avenida Silva Lobo, na altura do bairro Grajaú, região Oeste de Belo Horizonte. 

No mesmo domingo, a farmacêutica Chiara Padesi, de 39 anos, moradora do bairro Buritis, monitorava os três filhos, com idade entre dois e 11 anos, enquanto eles utilizavam os brinquedos do programa, como os infláveis (pula-pula e a torre de escalada), bambolê, lápis e tintas de colorir papéis e rostos. “Estamos encantados com a descoberta dessa opção de lazer para nossa família. É tudo de bom. Os brinquedos são limpos e os monitores são educados e carinhosos no trato com nossos filhos”, disse Chiara. 

Para a publicitária Liliane Lima, o programa é uma ótima opção para a família. Além de evitar programações em ambientes fechados, como em shoppings ou no próprio apartamento.  Os meus filhos, Henrique, de 12 anos, e Sofia, de 8, estão se divertindo ao ar livre, vivenciando brincadeiras diferentes e fazendo novos amigos”, observou Liliane.

A consultora financeira Renata Rodrigues Garcia, 46, moradora do bairro Nova Suíssa, é mãe de Lucas, de 9 anos.  Ela e o marido acompanhavam o filho na pista da avenida Silva Lobo: “Essa é uma ideia feliz da Prefeitura, pois o programa incentiva a interação das pessoas, traz vida, alegria e movimentação para o bairro nas manhãs de domingo”, relata.

Esteticista com formação em biomedicina, Samanta Melo, 31, moradora do bairro Nova Granada, observou que o ambiente é lúdico para as crianças. “Aqui sobram brinquedos e brincadeiras. As crianças brincam com os próprios brinquedos, com os dos colegas e também com os da Prefeitura”, comentou ela, enquanto via o filho Arthur, de três anos, divertindo-se com o bambolê.   



Dois espaços 

As ações do programa são executadas pela Smel com o objetivo de promover a prática de atividades físicas, esportivas e de lazer ao ar livre, bem como a convivência e a cidadania em vias e locais públicos, abrindo espaço para a ocupação urbana pela população e fomentando a apropriação do espaço público. 

O BH é da Gente é realizado aos domingos, das 7h às 14h, em dois espaços de Belo Horizonte: na área central da Savassi e no bairro Grajaú, no trecho da avenida Silva Lobo entre as ruas Xapuri e Garret.
 

09/05/2018. BH é da Gente vira referência na Av. Silva Lobo. Fotos: Vilma Tomaz/PBH