Pular para o conteúdo principal

Pratos da culinária mineira
Foto: Qu4rto Studio/Belotur

BH comemora o Dia da Gastronomia Mineira com ações para o setor e moradores

criado em 02/07/2021 - atualizado em 05/07/2021 | 13:25

Lives, palestras, cozinhas-show, engajamento de mercados, bares e restaurantes, chefs, universidades e, é claro, dos belo-horizontinos. Assim será o Dia da Gastronomia Mineira, comemorado em 5 de julho, mas que neste ano terá ações festivas na capital ao longo de todo o mês, com apoio da Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Belotur. Criado em 2012, o dia foi escolhido em homenagem ao nascimento do escritor Eduardo Frieiro, autor de “Feijão, Angu e Couve – ensaio sobre a comida dos mineiros”. Lançado em 1966, o livro foi a primeira publicação de gastronomia dedicada a apresentar os sabores de Minas.  

 

Do pão de queijo com cafezinho coado na hora à comida afetiva produzida com alimentos colhidos na horta de casa, dos queijos aos menus sofisticados, a gastronomia de Minas Gerais passa por ingredientes, tradições e talentos que são preservados e considerados verdadeiras riquezas pelos mineiros. “E toda essa fartura se encontra em Belo Horizonte. A jovem capital, de apenas 123 anos, foi construída por pessoas de todo o interior do estado, que trouxeram consigo seus saberes e sabores, concebendo a cidade como a maior vitrine da cultura e diversidade gastronômica do estado de Minas Gerais”, analisa Gilberto Castro, presidente da Belotur. 

 

As celebrações do Dia da Gastronomia Mineira vão de 5 a 31 de julho. Em Belo Horizonte, a Belotur coordenará ações que valorizem e divulguem a gastronomia mineira, baseando-se na premissa de que a cidade é a vitrine nacional e internacional desta cozinha e que, desde 2019, foi designada pela UNESCO como Cidade Criativa da Gastronomia. Ao receber esse reconhecimento, a capital participa de uma rede internacional de cooperação e de projetos estratégicos, cujo objetivo é fomentar a indústria criativa local, impulsionar negócios, compartilhar as melhores práticas e políticas públicas de desenvolvimento sustentável e de inclusão social, além de tornar a cidade referência no Turismo Gastronômico. Ou seja, motivos não faltam para comemorar a data. 

A programação completa pode ser acessada pelo Portal de Belo Horizonte: http://portalbelohorizonte.com.br/creativecity/dia-da-gastronomia-mineira-2021.

 

Mercados 

 

Os principais mercados de Belo Horizonte estarão presentes nas comemorações do Dia da Gastronomia Mineira. O Mercado Central - eleito pela revista TAM nas Nuvens (2016) como um dos melhores do mundo - irá realizar quatro oficinas sobre receitas e drinques, dentro do seu projeto de cozinha-escola. As oficinas serão gravadas e transmitidas no Facebook da Semana da Gastronomia Mineira (facebook.com/semanadagastronomiamineira) e no Instagram do Mercado Central (@mercadocentralbh). 

 

São elas:


•    16/7, às 19h15: Drinks sustentáveis, com o mixologista Victor Quaranta;
•    23/7, às 19h15: Sopa julina sustentável, com a chef Valdelícia;
•    30/7, às 19h15: Linguine ao pesto de beldroega, com o chef Edson Puiati;
•    6/8, às 19h15: Broinha de fubá com queijo do Serro, com Renato Pires, professor da UNA. 

 

Já o Mercado Novo organizará uma ação conjunta com 26 estabelecimentos, que estão criando receitas para comemorar o Dia da Gastronomia Mineira e a designação de Belo Horizonte como Cidade Criativa da Gastronomia. Eles divulgarão suas ações pelo perfil @ovelhomercadonovo. São eles: Moscata Empada, Charcutaria Tapera, Rapa do Tacho, Painço, Ortiz, A Pão de Queijaria, Nômade, Vó Anna, Borandá, O Andarilho, Fubá, Rotisseria, De Birra, Rei da Estufa, Massa Mercado, Leopoldina Pizza, Carimbó, Sandro Cozinheiro, Guarapari, Bento Bolinhos, Alento, Forno da Saudade, Terras Altas, Vermelhão e Lamparina Cachaçaria. A ação acontecerá do dia 5 a 31 de julho. 

 

Edital de Inverno - 4 Estações 

 

Em junho, a Belotur divulgou o resultado do Edital de Inverno do Programa 4 Estações, que fomenta eventos com potencial turístico em Belo Horizonte. Dos 70 projetos aprovados, 27 estão relacionados com a gastronomia. Isso significa R$ 780 mil injetados no setor. Os eventos abaixo apoiam a programação do Dia da Gastronomia Mineira: 


•    Live Clássicos da Liberdade - Arraial de Belo Horizonte: live sobre o Arraial de Belo Horizonte e gastronomia junina mineira, que acontecerá no dia 10 de julho, a partir das 15h30, no Youtube da Liberdade FM e na sintonia da rádio. Além disso, em apoio ao Dia da Gastronomia e à designação de Belo Horizonte como Cidade Criativa da Gastronomia, a Rádio Liberdade FM (92,9) fará uma entrevista ao vivo com o chef Renato Lobato da Faculdade Estácio de Sá, dia 3 de julho, às 9h30. 

 

•    Encontros Criativos da Gastronomia de Belo Horizonte – Semana da Gastronomia Mineira: realizado pelo chef Edson Puiati, tem como objetivo valorizar a história e os valores da culinária do nosso estado, fortalecendo o título de Belo Horizonte como Cidade Criativa da Gastronomia pela Unesco. Nesta 7ª edição, trará o conceito de combate ao desperdício de alimentos e a alimentação saudável. O evento acontece entre os dias 5 de julho e 6 de agosto. A programação completa está disponível no Facebook: facebook.com/semanadagastronomiamineira


•    Semana Portuguesa/Festa Portuguesa 2021: o evento acontecerá entre os dias 19 e 24 de julho. O objetivo é promover a integração das comunidades luso e luso-descendentes com os belo-horizontinos. O evento contará com almoços e jantares temáticos para a Semana Portuguesa/Festa Portuguesa 2021, seminários e rodadas de negócios. O acesso é pela plataforma experimente.businessexperience.pt. 


•    Prosperidade VI Edição: o evento acontecerá entre os dias 23 e 25 de julho e tem como objetivo valorizar e promover a mineiridade presente na cidade de Belo Horizonte. Serão apresentações artísticas, visitas guiadas virtuais nos atrativos de Belo Horizonte, workshops de gastronomia mineira, vegana e sobre cervejas artesanais. A transmissão acontece no instagram @prosperidademgc

 

•  Minas dá Samba e Comida Boa: o evento se conecta diretamente ao turismo propondo experiência musical e gastronômica em Belo Horizonte. Acontecerá nos dias 31 de julho e 7 de agosto, a partir das 19h. Será transmitido  no canal da Rede Prime de Comunicação: youtube.com/channel/UCQIFUMwGGS1gqWA_2LQBViA.

 

Outra parceria importante dentro das comemorações é com a BH Airport, no Aeroporto Internacional de Confins. As pessoas que desembarcarem no terminal durante as comemorações serão recebidas com a frase “seja bem-vindo à cidade criativa da gastronomia”, exibida em todo o circuito digital de Confins. Os restaurantes da praça de alimentação irão criar pratos comemorativos à data. 

Para comemorar a data, a cerveja Stella Artois vai lançar um circuito gastronômico que homenageia o livro “Feijão, angu e couve – Ensaio sobre a comida dos mineiros”. Entre 12 e 30 de julho, chefs da cozinha local vão elaborar pratos com cada um dos ingredientes do livro, que poderão ser apreciados via delivery ou em restaurantes reconhecidos por sua comida típica. Embaixadores da ação, os chefs Flávio Trombino, Djalma Victor e Agnes Frakasvolgyi vão contar histórias do livro nas redes sociais e levar ao público um pouco do vasto universo da gastronomia mineira. Toda campanha conta com o reconhecimento do selo de Cidade Criativa da Gastronomia pela Unesco. Para acessar à programação e o circuito de restaurantes desta ação, basta entrar nesse link: https://www.stellaartois.com.br/stellacombina

 

A Jornada da Alimentação é uma iniciativa do Sebrae-MG para oferecer produtos e serviços aos empreendedores do setor em Belo Horizonte e região. Dentro da programação acontece a 2ª temporada do Prepara Gastronomia, entre 13 e 15 de julho, com exibição ao vivo pelo canal youtube.com/user/AtendimentoSebraeMG. Lá, os interessados terão acesso a iniciativas com engajamento digital de empreendimentos gastronômicos, propostas de valor e preço, como oferecer uma experiência diferenciada aos clientes e como melhor trabalhar com delivery. 

 

A Amipão, entidade composta pelo Sindicato das Indústrias de Panificação do Estado de Minas Gerais (Sip) e pela Associação Mineira da Indústria de Panificação (Amip), também vem somar às comemorações. A Associação irá disponibilizar sacolas de pães com o selo oficial Cidade Criativa e conteúdos sobre a Gastronomia Mineira. 

 

A Plataforma Cumbucca divulgará durante todo mês de julho histórias, receitas e produtos locais. No dia 5 de julho, às 15h, será exibido um vídeo do chef Flávio Trombino (Restaurante Xapuri), que herdou os saberes de sua mãe, Dona Nelsa, sobre a produção de doces no tacho. 

 

A Frente da Gastronomia Mineira (FGM) irá realizar um encontro especial de comemoração, no dia 5 de julho, às 15h, e exibirá o curta-metragem “A dona do Tacho”, que retrata a vida da Dona Nelsa Trombino, cozinheira e fundadora do Restaurante Xapuri, filha de imigrantes italianos que dedicou a vida a divulgar a comida típica de Minas Gerais. Link: meet.google.com/czj-jvkw-wby. 

 

A importância da data para BH 

 

De acordo com Gilberto Castro, presidente da Belotur, a gastronomia é importante para a cidade e motor de desenvolvimento local – além de ser um setor criativo é um dos principais produtos turísticos da cidade. Prova disso foi a designação da cidade como Cidade Criativa da Gastronomia pela UNESCO, em 2019. 

 

“A pandemia do Coronavírus atingiu consideravelmente o setor. As medidas de prevenção que incluem o isolamento e a quarentena foram adotadas em diversas partes do mundo, tornando-se a principal forma de conter a propagação do vírus. Em Belo Horizonte, esta realidade não foi diferente”, acrescenta, ressaltando a importância da retomada econômica do setor. “É muito bom ver o trabalho articulado de toda a cadeia produtiva do turismo, unindo iniciativas privada e pública em prol do desenvolvimento da cidade”, conclui.