Pular para o conteúdo principal

O ator Antônio Pitanga, com camiseta e boina azul em fundo escuro, no palco.
Foto: Fernanda Bezerra

Antônio Pitanga e família são destaques no Festival de Arte Negra de BH

12/11/2019 | 15:24 | atualizado em 12/11/2019 | 15:24

A Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e da Fundação Municipal de Cultura, realiza de 18 a 24 de novembro o Festival de Arte Negra de Belo Horizonte – FAN-BH. A décima edição do evento terá, como uma das suas principais atrações, o encontro de Antônio Pitanga, que completa 80 anos em 2019, com os filhos no espetáculo “Embarque Imediato”. Ator com grande trajetória no teatro, cinema e televisão do Brasil, Antônio Pitanga se apresenta contracenando com Rocco Pitanga, em peça que tem também a participação de Camila Pitanga em gravações de áudio e vídeo.

 

Além de “Embarque Imediato”, o FAN-BH apresenta o filme de Camila Pitanga e Beto Brant “Pitanga”, documentário que narra a trajetória de Antônio na dramaturgia. Esse é o primeiro filme de Camila Pitanga como diretora e o primeiro documentário do cineasta Beto Brant. A exibição do filme, no FAN-BH, será comentada pelo projeto Enquadro, iniciativa de jornalistas e curadores de Minas voltada ao cinema negro brasileiro. Todas as atividades do Festival de Arte Negra de Belo Horizonte – FAN-BH são gratuitas.

 


“Embarque Imediato”

O espetáculo “Embarque Imediato”, dirigido por Márcio Meirelles, narra o encontro entre um jovem negro doutorando brasileiro e um senhor africano, em uma sala de aeroporto internacional onde ambos encontram-se retidos por problemas com seus respectivos passaportes durante uma conexão de voo. Confinados (ou encarcerados) na sala de segurança do aeroporto, esse encontro fará com que as duas personagens tenham acesso a informações que vão mudar para sempre suas vidas.

 


“Pitanga”

Com direção de Beto Brant e Camila Pitanga, o documentário "Pitanga" (2016) narra a vida, a obra, a trajetória e a carreira de Antônio Pitanga, um dos maiores atores do cinema nacional de todos os tempos, protagonista de momentos marcantes da cinematografia brasileira e protagonista de filmes importantes dirigidos por nomes como Glauber Rocha, Cacá Diegues e Walter Lima Jr.

 


Mais sobre o FAN-BH

O Festival de Arte Negra de Belo Horizonte – FAN-BH é um festival dedicado à valorização e à difusão da arte negra. Suas referências articulam as raízes ancestrais da cultura negra às expressões de sua contemporaneidade e dedica-se a fortalecer as matrizes tradicionais africanas ainda preservadas e aquelas resultantes do contato com outras culturas.

 

Com periodicidade bienal, o festival compreende uma ampla programação cultural, marcada pela diversidade de linguagens artísticas e pela participação de artistas, grupos e pesquisadores da arte e da cultura negra. Desde 1995, atua como um importante instrumento para valorização de manifestações populares, impulsionando a formação de um mercado local e fomentando a inserção de artistas da cidade nos circuitos culturais. Suas atividades também provocam diversificadas reflexões e promovem a democratização do acesso ao bem cultural pelos diversos setores da cidade.

 


Serviço

“Embarque Imediato”, espetáculo com Antônio, Rocco e Camila Pitanga
Datas: 19 de novembro às 19h30 e 20 de novembro às 20h
Local: Teatro Francisco Nunes (Av. Afonso Pena, s/nº - Centro)
Classificação: 12 anos
Entrada gratuita – Sujeito à lotação do espaço


“Pitanga”, documentário de Camila Pitanga e Beto Brant
Data: 21 de novembro, às 19h30
Local: MIS Santa Tereza, Rua Estrela do Sul, 89, Santa Tereza
Classificação: 12 anos
Entrada gratuita –Sujeito à lotação do espaço

Festival de Arte Negra de Belo Horizonte – FAN-BH
Música, teatro, cinema, artes visuais, performances, aulas, oficinas
Programação gratuita
Data: 18 a 24 de novembro
Local: Mais de 20 espaços de Belo Horizonte