Pular para o conteúdo principal

Informativo sobre o Cornavírus em Belo Horizonte
Foto: Arte PBH

Velórios estão suspensos durante o período da pandemia do Coronavírus

30/03/2020 | 18:30 | atualizado em 01/04/2020 | 19:00

Na tentativa de conter a disseminação da Covid-19 pelo Coronavírus, a partir desta terça-feira, dia 31, os quatro cemitérios municipais de Belo Horizonte passarão a realizar o sepultamento direto, ou seja, sem a realização do velório, independentemente da causa da morte.

A medida determinada pela Prefeitura da capital será válida enquanto durar o estado de emergência pela Pandemia do Coronavírus. Essa é mais uma ação preventiva que visa diminuir o deslocamento de pessoas e a permanência de vários indivíduos num mesmo espaço fechado por certo período de tempo – uma das recomendações de segurança sugeridas pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

A supressão dos velórios, que até então vinham acontecendo com algumas medidas restritivas quanto à duração e quantidade de pessoas presentes, está em conformidade com as recomendações constantes de manual específico sobre o tema, elaborado pelo Ministério da Saúde para o enfrentamento da Pandemia do Coronavírus.

A Prefeitura destaca, ainda, a importância de todas as demais medidas preventivas para conter o avanço da doença na cidade, entre elas, o isolamento social em qualquer circunstância. Havendo necessidade urgente de sair de casa, não se esqueça de manter distância mínima de um metro das demais pessoas, higienizar as mãos frequentemente com água e sabão ou com álcool em gel, cobrir o rosto com o braço ao tossir ou espirrar e, ao notar quaisquer sintomas respiratórios, manter-se isolado até que seja possível descartar o diagnóstico de infecção por Coronavírus.

 


Últimas Notícias

Realização do evento cultura Sound System Circuito em Casa reúne 20 atrações culturais em uma semana

O Circuito encerra a sua programação de julho e já inicia a de agosto com 20 diferentes atrações.

27/07/2020 | 17:32
Informações sobre a Covid-19 Mais de 3,5 mil pessoas são abordadas desde a lei que obriga o uso de máscaras

Entre os cidadãos abordados, 1.606 estavam devidamente equipados e outros 1.925 estavam em desacordo com a legislação.

21/07/2020 | 14:48