Pular para o conteúdo principal

Prateleira com computadores recondicionados e a serem recondicionados.
Foto: Divulgação PBH

Trabalho de recondicionamento de computadores ganha reconhecimento internacional

02/04/2019 | 18:38 | atualizado em 09/04/2019 | 09:04
O trabalhado desenvolvido pela Prodabel no Centro de Recondicionamento de Computadores ganhou destaque internacional no mês de março. A organização internacional Ellen MacArthur Foudation, que atua no reconhecimento de ações que contribuam para o crescimento da economia circular, desenvolveu um artigo sobre o tema.
 

Vale ressaltar que o trabalho do Centro de Recondicionamento de Computadores foi o único selecionado no estado. A fundação destacou no texto o impacto do recondicionamento de computadores na vida da população de Belo Horizonte. Este trabalho consiste no reaproveitamento de equipamentos obsoletos, mas que, em vez de irem para o lixo, se transformam em oportunidade para pessoas que realmente precisam.

 

Em média, a cada três computadores doados é possível fazer uma nova máquina. Esta, por sua vez, é repassada para Telecentros da capital, entidades, organizações não-governamentais, hospitais, entre outros. Até mesmo trabalhos desenvolvidos no interior de Minas e em outros estados, como Espírito Santo e Rio de Janeiro, já foram beneficiados. “Atualmente, além de Belo Horizonte, temos atendido demandas de prefeituras do Norte de Minas. Mandamos computadores para escolas e algumas organizações sem fins lucrativos. É importante levar esta oportunidade de inclusão digital a quem precisa”, afirmou Wellington Cardoso, superintendente de Inclusão Digital da Prodabel.

 

Desde a sua criação, em 2008, mais de nove mil máquinas já foram restauradas e, nos últimos anos, o projeto ganhou força, inclusive quebrando recordes. Somente no ano passado o projeto atingiu a marca de 1,3 mil computadores recondicionados, maior registro da história. Um dos fatores que levaram a este crescimento foi a ampliação do trabalho de coleta, com a aquisição de um veículo para fazer este trabalho. Para que isto acontecesse, foi firmado um convênio com o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações.

 

Para aumentar o número de computadores recondicionados, a Diretoria de Inclusão Digital trabalha na ampliação dos pontos de coleta e no treinamento e contratação de pessoas, que vão atuar na montagem dos equipamentos. Quem quiser doar computadores, notebooks, impressoras e monitores de LED/LCD e periféricos deve entrar em contato com CRC, pelo telefone 3277-6033 ou pelo e-mail crc.bhdigital@pbh.gov.br.

 

A fundação

A Ellen MacArthur Foundation foi criada em 2010 e tem como objetivo destacar trabalhos ao redor do mundo e acelerar a transição rumo a uma economia circular, que, por sua vez, consiste na manutenção de produtos e materiais em ciclos de uso, a regeneração de sistemas naturais e a diminuição de resíduos e da poluição. A fundação possui uma atuação expressiva junto a governos e empresas, inclusive multinacionais.

 

 

02/04/2019. Trabalho de recondicionamento de computadores, realizado pela Prodabel, ganha reconhecimento internacional. Fotos: Divulgação/PBH


Últimas Notícias

Informativo sobre o Coronavírus em Belo Horizonte Baixa de construção pode ser obtida utilizando drone e por meio digital

A Prefeitura construiu um procedimento para que a baixa de construção possa ser feita por fotos e vídeos obtidos por drone.

29/05/2020 | 17:37
Prestação de contas na Câmara Municipal de Belo Horizonte PBH intensifica ações na Saúde e Políticas Sociais, mesmo com queda nas receitas

Dados demonstram que o Município arrecadou R$ 4,7 bilhões de janeiro a abril, cerca de 34% do total previsto para o ano – R$ 13,7 bilhões.

29/05/2020 | 12:05