Pular para o conteúdo principal

Informativo sobre o Coronavírus em Belo Horizonte
Foto: Arte PBH

Prefeitura promove, de forma virtual, o 2º Fórum de Recursos Humanos

16/07/2020 | 15:07 | atualizado em 17/07/2020 | 21:04

A Secretaria Municipal de Planejamento, Orçamento e Gestão (SMPOG), por meio da Gerencia de Gestão do Desenvolvimento (GESDE), promoveu, na última quinta-feira, dia 9, o 2º Fórum de RH Estratégico. Com o tema “Contexto e Importância da Atuação Estratégica da Área de Recursos Humanos”, o encontro foi realizado por videoconferência pela plataforma EAD da Prefeitura.

 

Segundo Ligia Rache, gerente da GESDE, o Fórum de RH Estratégico tem como objetivo fortalecer e capacitar a área de Recursos Humanos dos órgãos municipais, focando em uma atuação mais estratégica dentro de suas Unidades. Os encontros devem acontecer mensalmente, no formato a distância, sempre com temas variados para o alcance dos objetivos propostos. Após os encontros on-line, os conteúdos (videoconferência gravada e materiais complementares) ficam armazenados no EAD da Prefeitura, nas Trilhas de Aprendizagem, na Trilha RH Estratégico.

 
A abertura do encontro foi feita pela Diretora Central de Políticas de Gestão Estratégica de Pessoas da SMPOG, Jeovana Lacerda, que destacou sobre os avanços tecnológicos em tempos de distanciamento social. “O momento exigiu uma aceleração de processos digitais e, diante de tantas mudanças, precisamos repensar sobre como trabalhar e adaptar nossas competências aos novos tempos”, disse a diretora. 

 

Mas a gestora ponderou sobre a importância da figura humana nessa trajetória. “A virtualidade tomou conta de nossas interações, mas a máquina está aí pra nos ajudar a trabalhar melhor, pra poupar nosso tempo e fazer com que a gente se dedique com o que só nós podemos fazer, que são nossas habilidades sociais, como empatia, sensibilidade, escuta e comunicação”. 
 

A palestrante do 2º Fórum de Recursos Humanos foi Fernanda Portilho Lopes, especialista em Política Públicas e Gestão Governamental e integrante da equipe do Programa de Desenvolvimento de Lideranças do Governo de Minas. 

 

Fernanda falou sobre as premissas do mundo atual, o contexto organizacional, a importância dos recursos humanos e dos acompanhamentos na Gestão do Desempenho. “Esse momento em que vivemos é de troca, de respeito e de confiança. Não existem respostas prontas ou absolutas. O mundo atual divide-se no antes e no depois. No antes, tudo é previsível, estável, estático e os empregados são como engrenagem da máquina. Agora, tudo é mais imprevisível, instável, rápido e os empregados são como células vivas, interativas”.  

  

Segundo a especialista, o setor público tem muitas características do “antes”, enquanto a sociedade é mais rápida e demanda soluções mais imediatas. “O mundo está mais complexo, daí a importância das pessoas neste processo e da aprendizagem organizacional, com disposição para aprender novos conhecimentos. Temos que transformar os recursos humanos em recursos estratégicos da organização”, disse Fernanda”. 
  

Nesse contexto, as organizações que evoluem dependem de pessoas dispostas ao aprendizado constante e às novas competências, o que significa ter novos conhecimentos, novas habilidades e novas atitudes. 

 

“As organizações são diretamente afetadas pelas mudanças tecnológicas e sociais e um dos grandes desafios da gestão contemporânea é conseguir, efetivamente, transformar seus recursos humanos em recursos estratégicos da organização. Entenda-se como estratégia algo a ser concretizado no futuro, com novas competências e práticas de gestão, além de novos desenhos da arquitetura organizacional”, relatou. 

 

Fernanda também disse sobre o papel da área de Recursos Humanos nas organizações. “O RH tem que ser propositivo e protagonista. Para executar esse papel, precisamos aprender com o que foi feito e olhar para frente”. Ela encerrou sua palestra citando a professora Aline Souki, que diz que “a aprendizagem deve resultar em mudança de atitude, não simplesmente na assimilação de novas informações e a formação de novas ideias”.
 

Após a palestra, os participantes puderam interagir com a palestrante enviando perguntas pelo chat disponível na videoconferência. Na sequência da palestra a gerente de Gestão do Desempenho, Adriana Cantarino, solicitou o apoio das unidades de RH para envio a todos os gestores de seus respectivos órgãos, do comunicado que enfatiza a necessidade do acompanhamento das equipes para uma efetiva gestão do desempenho, principalmente no momento atual.


Últimas Notícias

Imagens da região da Comunidade Dandara durantes a urbanização PBH leva urbanização e melhorias na qualidade de vida à Comunidade Dandara

A Comunidade Dandara possui hoje cerca de 1,35 mil famílias morando nas mais de 20 ruas transversais.

12/08/2020 | 16:43
Imagens aérea do centro de Belo Horizonte PBH cria Comitê de Acompanhamento da Implementação da Lei Aldir Blanc

O comitê é composto por 23 integrantes, sendo 11 do executivo municipal e 11 da sociedade civil, além de um representante técnico da UFMG.

12/08/2020 | 16:43