Pular para o conteúdo principal

Secretário Jackson Machado, Prefeito Alexandre Kalil e Secretária Adjunta Taciana Malheiros
Foto: Adão de Souza/PBH

Prefeitura de Belo Horizonte amplia funcionamento de nove Centros de Saúde

criado em 29/12/2021 - atualizado em 01/01/2022 | 14:44

A partir do próximo sábado, dia 1º de janeiro de 2022, a Prefeitura de Belo Horizonte vai estender, de forma escalonada, o horário de funcionamento de nove Centros de Saúde da capital – um por regional.

 

Essas unidades funcionarão das 7h às 22h30 de segunda a sexta, e das 7h às 22h nos feriados e finais de semana. A estratégia tem o objetivo de desafogar as UPAs, disponibilizando para a população mais acesso ao atendimento médico, especialmente durante o horário noturno, feriados e finais de semana, quando os Centros de Saúde não funcionam.

 

O anúncio foi feito nesta quarta-feira, dia 29, durante coletiva à imprensa realizada na Secretaria Municipal de Saúde, com a participação do prefeito Alexandre Kalil, do secretário municipal de Saúde, Jackson Machado Pinto, e da subsecretária de Atenção à Saúde, Taciana Malheiros.

 

O prefeito Alexandre Kalil destacou que a administração municipal está atenta e trabalhando para resolver os problemas.

 

“Está existindo uma epidemia de gripe no Brasil inteiro. E nós não podemos simplesmente assistir. Temos que seguir o exemplo do que tem sido feito durante a pandemia de Covid e tentar atuar da forma mais rápida possível para que o problema seja amenizado. Só queria salientar que Belo Horizonte apresenta o maior gasto per-capita na área da Saúde. Tivemos problemas, sim, com os plantões, mas que serão resolvidos até o dia 7 de janeiro. É importante esclarecer à população que nós estamos atentos, trabalhando e resolvendo”, afirmou o prefeito Alexandre Kalil.

 

O secretário Jackson Machado Pinto explicou que, a exemplo do que tem ocorrido no Rio de Janeiro e em São Paulo, Belo Horizonte é mais uma capital que tem experimentado um aumento na demanda de atendimento de pacientes com problemas respiratórios.

 

“As solicitações de leitos pediátricos em Belo Horizonte aumentaram 75% nas últimas duas semanas às custas de problemas respiratórios. Nas últimas duas semanas, os centros de saúde registraram um aumento de 46% no número de sintomáticos respiratórios. As nossas nove UPAs faziam um atendimento diário de cerca de 2 mil pessoas. No último dia 27 de dezembro esse atendimento foi de 3.553 pessoas. Desses, 75,1% classificados como verde, ou seja, poderiam ter tido seu problema resolvido em um centro de saúde ou em uma unidade que não fosse de urgência”, afirmou o secretário Jackson.

 

Cada um dos nove Centros de Saúde com horário ampliado contará com uma equipe de 10 profissionais, entre médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e administrativo para atender aos casos respiratórios de baixa e média complexidade.

 

As unidades com horário estendido manterão a maioria dos serviços prestados na rotina, como atendimento às gestantes e acompanhamento de pacientes crônicos.

 

O secretário municipal também frisou que as nove UPAs da capital receberão um incremento de 173 profissionais, sendo 84 médicos.

 

Outra estratégia anunciada para tentar desafogar as UPAs e garantir atendimento à população, os três Centros Especializados, que funcionam nas UPAs Barreiro, Venda Nova e Norte, passarão a atender também doenças respiratórias em geral.

 

“Todas as pessoas com sintomas de doenças respiratórias que procurarem nossas unidades farão o teste antígeno. Grávidas, puérperas ou pessoas com comorbidade que tiverem sintomas respiratórios, com teste rápido negativo, serão submetidas também ao PCR para a gente ter certeza absoluta de que essas pessoas não serão mais penalizadas”, afirmou o secretário Jackson Machado Pinto.

 

Veja as unidades que, a partir do dia 1º de janeiro de 2022, vão funcionar com horário ampliado de forma escalonada:

 

Regional Oeste - Centro de Saúde Vila Imperial - Rua Guilherme Pinto da Fonseca, 350, Madre Gertrudes

Regional Leste - Centro de Saúde Vera Cruz- Praça Pedro Lessa, 36, Vera Cruz

Regional Centro-Sul - Centro de Saúde Nossa Senhora Aparecida - Rua Paulino Marquês Gontijo, 109, Novo São Lucas

Regional Pampulha - Centro de Saúde Santa Terezinha - Rua Senador Virgílio Távora, 157, Santa Terezinha

Regional Venda Nova - Centro de Saúde Jardim Europa - Rua Edimburgo, 140, Jardim Europa

Regional Norte - Centro de Saúde Floramar - Avenida Saramenha, 3, Guarani

Regional Nordeste - Centro de Saúde Cachoeirinha - Rua Borborema, 1.325, Cachoeirinha

Regional Noroeste - Centro de Saúde Califórnia - Avenida das Castanholas, 277, Califórnia

Regional Barreiro - Centro de Saúde Francisco Gomes Barbosa - Avenida Nélio Cerqueira, 15, Tirol