Pular para o conteúdo principal

Mulher de vestido claro projeta sombra na parede.
Foto: Aline Vilela

Peça no Teatro Raul Belém Machado aborda relações entre memória, corpo e espaço

07/11/2019 | 17:35 | atualizado em 08/11/2019 | 16:54

O Espaço Cênico Yoshifumi Yagi/Teatro Raul Belém Machado recebe, nesta sexta-feira, dia 8 de novembro, às 20h, o espetáculo “Um dia, 40 minutos”, do Coletivo Indisciplinar. Com concepção, produção e performance de Bianca Sanches e Julia Bernardes, o espetáculo tem como ponto de partida a memória afetiva e sensorial das casas de infância das artistas para falar sobre as relações entre corpo, espaço e experiências. A peça foi selecionada por meio do edital CenaPlural 2019.

 

A cena-performance “Um dia, 40 minutos” foi criada a partir de investigações artísticas que o Coletivo Indisciplinar vem experienciando acerca das práticas e poéticas do “habitar” e dos diferentes estados de presença de um corpo – corpo-passagem, corpo-permanência, corpo-habitante, corpo-morada. Tem como ponto de partida a memória afetiva-sensorial das casas de infância das artistas vistas pelo olhar do presente. Ações, lembranças, imagens, gestos e estados de presença são revisitados, apresentando-se como uma maneira de (re)desenhar e (re)construir experiências de um dia comum nestas casas.

 

Guiadas por chaves de rememoração como sons, cheiros, objetos e cores, as artistas – em um movimento dialógico entre imagem e movimento – são convidadas a (re)memorar e (re)inventar fragmentos de suas histórias conectando o corpo presente a um espaço-corpo-lembrança. Assim, a cena propõe uma diluição e um tensionamento entre realidade e ficção, passado e presente, memória e fabulação, buscando estabelecer outras relações entre aquele que está em cena e aquele que aprecia, o público.

 

 

CenaPlural

O CenaPlural foi criado pela Prefeitura de Belo Horizonte com o objetivo de fortalecer e potencializar a produção artística nos espaços públicos, promover uma programação cultural diversa e qualificada para a população belo-horizontina, além de premiar e difundir o trabalho de artistas, coletivos e grupos locais. Os grupos selecionados vêm se apresentando nos teatros Francisco Nunes, Marília e Raul Belém Machado, além dos centros culturais da Fundação Municipal de Cultura, ou integrando a programação de projetos especiais como o “Terça da Dança” e o “Música de Domingo”.

 

 

Um dia, 40 minutos | Coletivo Indisciplinar

Classificação: Livre
8 de novembro | sexta-feira | às 20h
Espaço Cênico Yoshifumi Yagi / Teatro Raul Belém Machado - Rua Jauá, 80 - Alípio de Melo
ENTRADA GRATUITA
Informações para o público: (31) 3277-6437    


Últimas Notícias

Duas crianças estão de pé, segurando suas bicicletas, acompanhadas por adulto, também de pé. Ao fundo, pessoas passeiam, durante o dia. Bossa nova, blues, jazz e carnaval no BH é da Gente do dia 17/11

Apresentações musicais, oficina de circo, circuito de bike e brincadeiras tradicionais são as atrações do BH é da Gente do dia 17/11.

14/11/2019 | 19:03
Mapa da operação de trânsito Operação especial na Rodoviária em função do feriado de 15/11

A BHTrans realiza, de 13 a 18/11, intervenções operacionais no trânsito na região da Rodoviária organizar e garantir a fluidez de veículos.

12/11/2019 | 16:06