Pular para o conteúdo principal

Taxista usa aplicativo Waze dentro do veículo
Foto: Divulgação PBH

Parceria entre BHTrans e Waze agiliza informações sobre interdições de vias

08/11/2019 | 11:24 | atualizado em 08/11/2019 | 11:28

Ao passar pelo Centro no trajeto até o bairro Serra, o motorista de táxi Rodolfo Félix se deparou com interdições em várias vias de Belo Horizonte. Com a ajuda do Waze – aplicativo de informações sobre o trânsito mais usado por motoristas – encontrou rapidamente uma rota alternativa e levou o passageiro ao destino. “Algumas vias no entorno da Praça da Estação estavam interditadas para um evento, resolvi mudar o caminho, passando pelo bairro Floresta”, lembra ele.

 

A “ajuda” foi possível graças a parceria firmada entre a BHTrans e o aplicativo de mobilidade – que começou no Carnaval desse ano, quando a empresa da capital disponibilizou para o Waze as informações atualizadas das interdições e desvios de trânsito. O sucesso foi tanto que a BHTrans aderiu ao programa “Waze for Cities”, conta o supervisor da Gerência de Pesquisa e Tecnologia da Informação da BHTrans, Marcelo Geraldo Batista.

 

Com isso, o usuário do Waze recebe rapidamente informações sobre as interdições e os bloqueios nas vias municipais, principalmente em grandes eventos, como ocorreu, por exemplo, na Virada Cultural de Belo Horizonte. Benefício tanto para o cidadão quanto para o turista que visita a cidade.

 

Motorista há 43 anos, o Sr. José Geraldo da Silva Santos conta que, com as informações de trânsito disponíveis pelo aplicativo, não há mais necessidade de parar o veículo para pedir alguma informação, correndo o risco de ser assaltado. “Essa parceria veio beneficiar a todos, trazendo mais segurança aos motoristas”, informa ele.

 

Arthur Fernando Santos Vieira, editor voluntário do Waze que faz a interface com a BHTrans, explica que essa parceria com o órgão gestor do trânsito e transporte permite que os usuários do aplicativo desfrutem de um mapa muito mais atualizado e confiável. Outras cidades brasileiras também aderiram ao programa “Waze for Cities”, como Rio de Janeiro, Joinville, Vitória e Salvador.

 

A supervisora da Gerência de Integração de Operação de Tráfego da BHTrans, Joziane Tulher, diz que o projeto dá mais visibilidade ao trabalho de engenharia de tráfego: “O Waze é uma ferramenta que tem cada vez mais adesão dos usuários, o que significa vantagens mútuas. Enquanto os usuários recebem informações qualificadas de intervenções viárias programadas, a BHTrans poderá fazer uso de dados com aproveitamento direto para a operação e para a engenharia de tráfego”.

 

08/11/2019. Parceria entre a BHTRANS E WAZE informa a população sobre interdições de trânsito. Fotos: Divulgação/BHTRANS


Últimas Notícias

Praça Sete de Setembro Belo Horizonte integra Rede Cidades Criativas de Minas Gerais

A rede mineira tem como principal objetivo fomentar a integração entre cultura e turismo no estado. 

10/12/2019 | 18:25
Uma menina e uma mulher posam para a foto exibindo a medalha no pescoço. Aluna de escola em Venda Nova conquista prêmio na Olimpíada de Língua Portuguesa

O tema da competição deste ano foi “O lugar onde vivo”, que propiciou aos alunos estreitar vínculos com a comunidade. 

10/12/2019 | 15:57