Pular para o conteúdo principal

Guardas Municipais acompanhando viagem em ônibus de BH
Foto: Divulgação PBH

Guardas municipais acompanharam 13 mil viagens em ônibus de BH ao longo de 2019

13/02/2020 | 11:00 | atualizado em 14/02/2020 | 16:20

 

Implantada com o objetivo de coibir assaltos a passageiros nos ônibus, a Operação Viagem Segura, da Guarda Municipal, é hoje uma das ações mais bem-sucedidas da Secretaria Municipal de Segurança e Prevenção. Ao longo de 2019, guardas municipais fizeram 13.315 embarques em trechos de viagens, sendo 12.479 em ônibus municipais e 836 em coletivos metropolitanos.

 

Durante essas ações, 2.684 pessoas em atitudes suspeitas foram abordadas pelos agentes para revistas pessoais e tiveram seus prontuários verificados, sendo 65 delas detidas e encaminhadas a unidades de plantão da Polícia Civil.

 

Com a média de aproximadamente 40 viagens acompanhadas por dia, a Viagem Segura demandou um amplo estudo, que contou com o mapeamento e georreferenciamento de corredores de ônibus e a análise de horários e principais tipos de crimes cometidos no transporte coletivo.

 

A partir das informações levantadas, equipes da Guarda Municipal passaram a acompanhar viagens de ônibus em trechos das avenidas Nossa Senhora do Carmo e Antônio Carlos. A operação tem grande aprovação da população e conta com o embarque preventivo de guardas municipais nos ônibus que trafegam por aqueles dois corredores de trânsito.

 

Cumprindo o papel de agir no patrulhamento comunitário da capital, os agentes passaram a ser vistos, sempre em duplas, embarcando nos ônibus, no período da noite, para fazer a prevenção contra os roubos e orientar os usuários a denunciarem a presença de pessoas em atitude suspeita. Viaturas da corporação complementam o serviço dos agentes, fazendo a escolta dos coletivos em parte dos trajetos.

 

 

Estação segura

A Operação Viagem Segura ganhou novo fôlego a partir de março de 2018, com o Projeto Estação Segura, quando os guardas municipais passaram a atuar também nas estações de ônibus, como forma de garantir a organização do espaço, evitando roubos e furtos contra e inibindo a evasão de usuários sem pagar passagem.

 

As pioneiras foram as estações São Gabriel e Pampulha. Posteriormente, a nova modalidade de patrulhamento foi implantada nas estações Venda Nova, Vilarinho, Diamante e Barreiro – todas elas contando com um efetivo fixo para aumentar a segurança dos locais.

 

Desde agosto de 2019 a Guarda Municipal passou a atuar também nos pontos de ônibus da região do hipercentro que têm maior concentração de embarque e desembarque de passageiros. 

 

De acordo com o secretário Municipal de Segurança e Prevenção, Genilson Zeferino, o conjunto de medidas voltadas para a garantia da segurança dos usuários do transporte coletivo demonstra o constante empenho da Prefeitura de Belo Horizonte em garantir à população um patrulhamento comunitário preventivo de qualidade, por meio da Guarda Municipal. “Com a presença dos agentes também para os pontos de ônibus, estamos investindo em um modelo de segurança que se preocupa principalmente com o cidadão, e não apenas com o fenômeno da criminalidade em si”, destaca.

 

 

 

13/02/2020. Operação Viagem Segura completa três anos. Fotos: Adão de Souza/PBH


Últimas Notícias

Informativo sobre o Cornavírus em Belo Horizonte Entrega de cestas às famílias de estudantes da rede municipal começa na terça

Mais de 142 mil famílias serão contempladas. As informações sobre retirada das cestas estarão disponíveis a partir do dia 30, no Portal PBH.

28/03/2020 | 18:19
Informativo sobre o Cornavírus em Belo Horizonte Prefeitura amplia serviços de acolhimento à população em situação de rua

Foram anunciadas uma série de novas medidas de atenção e proteção à população em situação de rua.

27/03/2020 | 13:29