Pular para o conteúdo principal

logo Cerol Mata, com uma pipa em cima.
Arte: PBH

Guarda Municipal faz blitz educativa contra uso do cerol no dia 6/7

05/07/2018 | 19:27 | atualizado em 06/07/2018 | 12:05

Alertar a população para o risco de ferimentos graves e até de morte que o uso de linhas cortantes para empinar papagaios representa, além de destacar ainda as punições que a brincadeira criminosa pode acarretar para os responsáveis. São com estes objetivos que a equipe da Patrulha Escolar da Guarda Municipal de Belo Horizonte (GMBH) realizará, na manhã desta sexta-feira, dia 6 de julho, uma blitz educativa da Campanha Cerol Mata, na avenida dos Andradas, na altura do número 7.270, no bairro Pompeia, em frente à UPA-Leste, no sentido bairro/ Centro.

 

Somente de janeiro até agora, foram registrados 25 acidentes com cerol em Belo Horizonte. No mesmo período de 2017, o total era de 40 casos relacionados com o uso de linha chilena ou com cerol. A redução é motivo de comemoração, mas a morte de um motociclista em Contagem e ainda os danos causados pela linha cortante no helicóptero do Corpo de Bombeiros, ocorridos recentemente, chamaram mais a atenção da população e das autoridades para o problema.

 

Cerca de 70 latas envoltas com linha chilena ou com cerol já foram apreendidas pela Guarda Municipal durante abordagens preventivas feitas pela cidade, somente neste mês de julho. No ano passado, o saldo total de apreensões, de julho a dezembro, chegou a 2.032 latas.

 

Durante as abordagens, serão distribuídos folhetos que orientam a população sobre como agir para denunciar o uso do cerol. Os agentes também pretendem instalar anteninhas de proteção nas motocicletas que ainda não têm o acessório.

 

Serviço

Data: 6 de julho de 2018 (sexta-feira)

Horário: 9h30

Local: Avenida dos Andradas, altura do número 7.270

Bairro Pompeia (em frente à UPA Leste)

Sentido bairro/ Centro