Pular para o conteúdo principal

Alimentos para doação no Banco de Alimentos
Foto: PBH/Divulgação

Banco de Alimentos da Prefeitura de Belo Horizonte passará por reforma

criado em 04/06/2021 - atualizado em 14/06/2021 | 16:48

O Banco de Alimentos do bairro Padre Eustáquio, localizado na rua Tuiuti, 888, passará por algumas adequações visando o melhor conforto. Em funcionamento há 18 anos, o local cumpre um importante papel na redução da insegurança alimentar na capital mineira. O Banco faz doações de alimentos para 30 instituições sócio-assistenciais cadastradas, além de outras 13 instituições que foram credenciadas de forma emergencial em fundação da pandemia, totalizando 43 instituições beneficiárias. 

 

Durante a pandemia, a distribuição de alimentos está sendo feita em caráter emergencial e complementar como forma de garantir a segurança alimentar durante o período de isolamento para contenção do contágio da Covid-19. Atualmente, 4,3 mil pessoas por semana estão sendo beneficiadas. Somente em 2001, já foram doadas 205 toneladas de alimentos. 

 

A Superintendência de Desenvolvimento da Capital (Sudecap) fará obras de adequação e manutenção que contemplam a substituição de todo o telhado, inclusive calhas e rufos, tratamento e pintura, fechamento de vão entre o galpão de perecíveis e não perecíveis e em galpão de manipulação, instalação de grades de proteção, instalação de telas mosquiteiro, revestimento de paredes dos vestiários e tratamento das divisórias, substituição do piso do galpão de perecíveis/não perecíveis e do galpão de armazenagem, readequação da cozinha, pavimentação da calçada com piso tátil, readequação da portaria para acessibilidade, adaptações em banheiros para pessoas com deficiência e substituição da caixa d'água. Estão sendo investidos R$ 615 mil nesse trabalho e a previsão de término é no segundo semestre de 2021.

 

"Esta manutenção irá proporcionar um ganho indireto à comunidade, garantindo a continuidade dos serviços da SUSAN (Subsecretaria de Segurança Alimentar e Nutricional) e da qualidade ambiental dos funcionários que trabalham nesta edificação. Além disso, as intervenções vão ajudar a preservar o Banco de Alimentos e a continuidade do recebimento e entrega de doações.”, segundo o superintendente da Sudecap, Henrique Castilho.