Pular para o conteúdo principal

Vila + Conectada

Vila
criado em 30/01/2018 - atualizado em 23/06/2022 | 14:51

O Programa Vila Mais Conectada já garantiu acesso à internet de forma gratuita e com qualidade à milhares de moradores de 101 vilas, favelas e conjuntos habitacionais de Belo Horizonte.


A expectativa da Prefeitura de Belo Horizonte é que mais 117 localidades sejam atendidas em uma segunda etapa do programa, fazendo com que todas as 218 vilas e favelas da cidade sejam contempladas, beneficiando 370 mil pessoas, das quais 45 mil alunos da rede municipal de ensino.


Nesta primeira etapa do programa, foram instalados 418 aparelhos distribuidores do sinal de internet gratuita, chamados de Access point (AP) e cerca de 43 mil usuários já estão cadastrados, utilizando a internet da PBH.


Alunos dos cursos de tecnologia promovidos pela Prodabel receberam certificados, representando as mais de 1,8 mil pessoas capacitadas entre janeiro e maio de 2022, sendo 824 de cursos profissionalizantes. Atualmente, a Prodabel está capacitando, presencialmente, 494 alunos atendendo demandas de empresas parceiras.


A Prodabel oferece 10 cursos em EAD:
 

  • Introdução às novas tecnologias
     
  • Ferramentas para home office
     
  • Planilhas eletrônicas
     
  • Criação de sites
     
  • Programação Web 1 - HTML e CSS
     
  • Programação Web 2 - Introdução à lógica de programação e Javascript
     
  • Programação Web 3 - Banco de dados MySQL
     
  • Programação Web 4 – PHP
     
  • Empreendedorismo digital
     
  • Educação ambiental e resíduos eletroeletrônicos


São ainda quatro cursos presenciais:
 

  • Informática para o mercado de trabalho
     
  • Informática para idosos
     
  • Montagem e manutenção de computadores
     
  • Programação Web Front End

 

O programa Vila Mais Conectada foi lançado no final de 2021 com o nome programa Inclusão Digital BH, para levar internet gratuita e com qualidade para vilas, favelas e conjuntos habitacionais da cidade.
 

Confira mais detalhes sobre as etapas e números do programa

 

HOTSPOTS

Confira os locais públicos de acesso gratuito à Internet em Belo Horizonte.

LOCAIS PÚBLICOS DE ACESSO GRATUITO

 
TELECENTROS

São 302 espaços públicos e gratuitos de inclusão digital. Os telecentros possuem de 10 a 20 microcomputadores conectados à internet banda larga e oferecem cursos profissionalizantes de informática, oficinas especiais,  entre outros serviços.


A Prefeitura é responsável pela instalação e manutenção dos equipamentos e a comunidade por oferecer o espaço e pessoal para realizar o trabalho.


Os Pontos de Inclusão Digital são  implantados em órgãos públicos da Prefeitura, como bibliotecas, Núcleos de Apoio à Família (NAF´s), núcleos do programa BH Cidadania, no Centro de Cultura de Belo Horizonte e também em ONG´s, entre outros. Os telecentros, os cidadãos podem enviar e receber e-mails, pagar contas e impostos,  acessar os resultados e exames realizados nos laboratórios da PBH, fazer pesquisas, emitir segunda via de documentos, além de participar de cursos à distância e de informática.

TELECENTROS
 

CURSOS DE FORMAÇÃO

A Prefeitura de Belo Horizonte está com inscrições abertas para cursos on-line e gratuitos, voltados para temas como empreendedorismo digital, novas tecnologias, programação e ferramentas para home office – prática que tem se tornado cada vez mais comum em razão da pandemia da Covid-19. Durante as aulas virtuais os alunos recebem orientações, via chat, e-mail ou whatsapp, de professores da Diretoria de Inclusão Digital da Prodabel. 


Nos últimos anos a Prefeitura vem desenvolvendo ações e projetos tendo como foco a população das comunidades da periferia da cidade. E a inclusão digital se efetivou como um importante instrumento de qualificação profissional e inserção de jovens e adultos. Os cursos de  capacitação são gratuitos e oferecidos para toda a população da cidade, com foco especial na qualificação profissional e fomento ao empreendedorismo de moradores das áreas mais carentes. 


Para receber a certificação nos cursos, é necessário um aproveitamento mínimo de 60%.  


O cadastro e a inscrição são gratuitos e qualquer pessoa pode participar. 

QUERO ME INSCREVER


 

Confira os cursos que estão com inscrições abertas:


 

Empreendedorismo Digital: Introduz o uso da tecnologia para pessoas que possuem negócios,  que tenham interesse em vender ou  oferecer serviços e potencializa o uso das ferramentas digitais disponíveis na Internet;
 

Criação de Sites: Ensina criar sites e produzir conteúdos para web; 
 

Educação Ambiental:  Proporciona ao aluno vivência prática e desenvolve uma consciência sobre o destino correto de resíduos eletroeletrônicos; 
 

Introdução às Novas Tecnologias: Voltado para o conhecimento do computador, internet, redes sociais, como trabalhar com e-mail;
 

Ferramentas para Home Office: Ensina usar e criar contas de e-mail, Google drive, agenda on-line, videoconferência e trabalhar com armazenamento de conteúdos em nuvem;
 

Planilhas Eletrônicas: Desenvolve competências práticas para a utilização da planilha. Ensina a realizar cálculos simples e complexos para organização de dados e  informações;
 

Programação WEB: Para suprir uma das principais carências do mercado de Tecnologia da Informação (TI), os cursos promovem a capacitação dos alunos no desenvolvimento e manutenção de Websites. Os inscritos podem se qualificar nos seguintes conteúdos:

  • HTML/CSS
  • Introdução a Lógica de Programação de JavaScript 
  • Banco de Dados
  • Linguagem de programação PHP


 
Para mais informações sobre os cursos entre em contato pelos telefones 3277-6064 ou 3277-9237, pelo e-mail inclusaodigital@pbh.gov.br ou compareça na Unidade Ipiranga da Prodabel, que fica na rua José Clemente Pereira, 440 – bairro Ipiranga.
 

UNIDADE MÓVEL DE INCLUSÃO DIGITAL

Criada em maio de 2004, a Unidade Móvel de Inclusão Digital é estruturada em uma carreta equipada com duas salas de aula,  cada uma com sete computadores conectados à internet e impressoras. A unidade está  instalada em uma carreta que circula nos bairros de Belo Horizonte, oferecendo cursos de informática e disponibilizando acesso à internet aos cidadãos.

 

Inclusão Digital BH inicia etapa de cursos presenciais na Vila do Índio

 

O programa Inclusão Digital BH inicia na próxima segunda (21) uma nova etapa com o lançamento dos cursos presenciais na Vila do Índio, primeira favela de Belo Horizonte que recebeu o projeto.

De segunda à sexta-feira, a Unidade Móvel de Inclusão Digital da Prodabel ficará estacionada na entrada da Vila, quando acontecerão cursos e oficinas de capacitação em tecnologia. Todos os dias, das 9 às 16 h, a comunidade poderá participar de oficinas gratuitas de Manutenção de Computadores,  Desenvolvimento de Jogos com Scratch, Oficina de Iniciação à Programação para Crianças, Oficina de Uso de Drones e Mapas em BH, além de palestras sobre os cursos da Prodabel e a preparação para o mercado de tecnologia. “Para nós não basta ter acesso à internet. Queremos também impactar a vida dos moradores abrindo as portas para o mundo do trabalho. Por isso, elaboramos cursos adequados para crianças, jovens, adultos e idosos e que  a partir de agora podem dar passos largos na realização de sonhos e projetos”, comenta Leandro Garcia, presidente da Prodabel.

Todas as diretorias da Prodabel estão envolvidas no Programa Inclusão Digital BH e também participarão dessa etapa. A carreta ficará estacionada de segunda à sexta-feira ao lado da EMEI Itamarati, na rua dos Nambiquaras, 15, Santa Mônica.

Agenda
 

CRC - CENTRO DE RECONDICIONAMENTO DE COMPUTADORES

Segundo dados da Organização das Nações Unidas (ONU), o Brasil é um dos países emergentes que mais produzem lixo eletrônico. Para minimizar os impactos em relação ao tratamento e disposição final desses resíduos a Unidade Ipiranga da Prodabel, por meio do Centro de Recondicionamento de Computadores (CRC), recebe, recupera e dá um novo destino a computadores usados e descartados por órgãos públicos, empresas privadas e cidadãos.
 

Depois de recondicionados, os equipamentos são instalados nos telecentros ou doados para instituições filantrópicas. Somente em 2015, foram doadas 438 máquinas para 16 instituições da região Metropolitana de Belo Horizonte e de outros estados brasileiros, como Bahia e Rio de Janeiro.
 

Uma das entidades que recebeu a doação de 50 equipamentos em 2015 foi a APAE-BH. “É muito valiosa a preocupação da Prodabel com a inclusão digital de todos os cidadãos, inclusive os que possuem alguma deficiência, já que a informática é uma ferramenta importante para o desenvolvimento humano”, afirmou a presidente da APAE-BH, Judith Monteiro.
 

O CRC da Prodabel recebe doações de computadores, notebooks, impressoras, monitores LCD/LED e periféricos. Para doar, entre em contato pelos telefones 3277-8343ou  pelo e-mail crc.bhdigital@pbh.gov.br ou compareça na Unidade Ipiranga da Prodabel, que fica na rua José Clemente Pereira, 440 – bairro Ipiranga.
 

CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS E INFRAESTRUTURA

No BH Digital, o acesso à internet é possibilitado a partir da implantação de links da Rede Óptica Municipal instalada na região central de Belo Horizonte. O programa é baseado nas tecnologias WiMax, WiMesh e WiFi, que viabilizam a cobertura do município, além da criação de Hotspots em praças, parques e outros locais públicos.
 

A plataforma utilizada no BH Digital é a de software livre - Libertas (distribuição GNU/Linux) - desenvolvida pela Prodabel. Em todos os postos de inclusão digital de Belo Horizonte, o cidadão tem acesso à internet e aos programas oferecidos pelo Libertas. A premissa está em sintonia com o Governo Eletrônico - Serviço de Atendimento ao Cidadão (GESAC), que incentiva o uso de softwares livres e possui toda a plataforma multisserviços para Inclusão Digital.