Pular para o conteúdo principal

Fachada do Restaurante Popular do Barreiro
Foto: Katia Gaspar/PBH

BH em Pauta: Gigante do Barreiro

13/06/2017 | 16:56 | atualizado em 20/06/2017 | 09:01

Panelas de até quinhentos litros, nas quais são preparadas mais de duas mil refeições diariamente, exalam um cheirinho gostoso que denuncia o cardápio: salpicão e frango assado. Mas o sabor do dia foi ainda mais especial. Em 17 de maio passado, o ambiente foi de confraternização no maior restaurante popular do Brasil, o Dom Mauro Bastos, mais conhecido como Restaurante Popular do Barreiro. Na celebração dos sete anos de funcionamento, a unidade ofereceu, além do cardápio saudável e saboroso, apresentações culturais e serviços gratuitos. 


Os números na unidade do Barreiro são grandiosos. A área construída é de 3.457 metros quadrados, o que faz do local o maior restaurante popular do país, superior a um gigante paulista localizado no bairro Taboão, em Guarulhos, com 2.542 metros quadrados.
 

A quantidade de alimento produzida em um dia no restaurante do Barreiro seria suficiente para uma família de três pessoas durante três anos. São feitos diariamente 200 quilos de arroz, 70 quilos de feijão e preparados de 300 a 500 quilos de carne, além de 60 quilos de folhas para a salada.


Muitos alimentos começam a ser preparados na noite anterior. Uma equipe trabalha das 22 às 7h. “Legumes são cortados e temperados um dia antes, o feijão começa a ser cozido às 22h e a carne durante a madrugada”, revela a nutricionista, Joyce Andrade Batista. A partir das 7h, outra equipe assume, com a incumbência de finalizar o preparo até às 11h, quando são abertos os portões para a população. 



Os pratos são definidos por nutricionistas, levando-se em consideração uma dieta balanceada com menos gordura e sal. O cuidado vai da definição do cardápio à escolha dos ingredientes e preparo dos alimentos. “Nós mesmos fazemos o tempero com alho e sal e usamos ervas finas, muitas delas cultivadas aqui na nossa hortinha. Plantamos salsa, cebolinha e hortelã”, conta Joyce.



Na festa de aniversário do restaurante, o bolo gigante já virou tradição. Feita pelos funcionários da unidade, a sobremesa especial de 50 quilos teve recheio de maçã, abacaxi e brigadeiro e fez muito adulto sair como criança de uma festa de aniversário. “Com a comida ainda mais saborosa, a festa foi completa”, disse a frequentadora Maria Aparecida Reis.



Trato no cabelo

 

13/06/2017. Restaurante Popular do Barreiro completa 7 anos. Fotos: Katia Gaspar/PBH

 


Com 50 componentes, o coral Grupo Em Canto, do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (Nasf), apresentou músicas de diversos estilos. Além de show, houve prestação de serviço ao público. Elias Ribeiro Machado foi um dos homens que aproveitaram a festa para cortar o cabelo. Ele conta que sempre participa dessas ações no restaurante. “Fico de olho nas datas para não perder, pois eles cortam do jeito que eu gosto”, elogia Elias. 
 

Instrutor do Instituto Embelleze, Décio Augusto Júnior conta que os 12 alunos do curso de barbeiro profissional fizeram mais de 30 cortes: “Ficamos satisfeitos em poder fazer esta aula prática. Esta experiência é boa para todos, alunos, professores e frequentadores do restaurante popular.”
 


Mostras, recitais & mais...



Com o objetivo de facilitar o acesso dos frequentadores a serviços diversos, por meio de parcerias são disponibilizados gratuitamente ações sociais como cortes de cabelo, maquiagem, avaliação nutricional e cuidados com a pele.



O restaurante também abre espaço para outras atividades sociais e culturais. Diversas manifestações artísticas ocupam o hall de entrada, corredores e o próprio refeitório. Exposição de quadros, apresentações de corais, cantores e instrumentistas, além de atrações teatrais e recitais são uma rotina na unidade. Os centros culturais já realizaram no espaço mostras de fotografia, pintura, desenho e escultura, entre outras.



Uma ação no dia 31 de maio passado incluiu avaliação odontológica, nutricional e da mucosa bucal, no Dia Mundial contra o Tabaco. “Muitas pessoas com quem conversamos e ainda fumam têm o desejo de parar e estão dispostos a fazer o tratamento nas unidades de saúde”, disse a referência em promoção de saúde da Gerência Regional de Atenção à Saúde Barreiro, Grace Abras Guimarães. Os frequentadores aprovaram a iniciativa. “Nunca fumei, mas gosto de vir aqui almoçar, participar destas atividades e saber mais sobre saúde”, elogiou Joana Ferreira Alves Luiz.



Funcionamento



A unidade do Barreiro foi a quarta a ser inaugurada na cidade. Desde 2010, são servidas aproximadamente duas mil refeições por dia, no almoço, de segunda a sexta-feira, das 11h às 14h. Diariamente, 61 funcionários entre nutricionistas, chefe de cozinha, cozinheiros, auxiliares de cozinha e setores de apoio como almoxarifes, caixas, supervisores e auxiliares de limpeza se dedicam ao funcionamento da unidade. “Sou realizada por trabalhar em um local que contribui para a promoção da alimentação saudável e diversas ações sociais”, afirma a nutricionista Joyce.

Veja também

Últimas Notícias

Nota: Parque Municipal fechado para intervenções

Parque Municipal Américo Renné Giannetti estará fechado nos dias 27 e 28/6, para intervenções de manutenção e atividades internas

23/06/2017 | 17:51

BH em Pauta: Protejam os garis

Objetos perfurocortantes são um desafio aos profissionais de limpeza; empregadores e população devem compartilhar zelo pela segurança

23/06/2017 | 15:32