Pular para o conteúdo principal

MICE- Mostra de Investigação Científica Escolar

Uma menina e um menino sorriem para a foto, onde também se pode ver trabalhos feitos para a mostra científica, dois redondos e um em formato de pentágono.
Arquivo Smed
atualizado em 18/11/2020 | 14:19

MOSTRA DE INVESTIGAÇÃO CIENTÍFICA ESCOLAR (MICE)

Apresentação

A Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Smed), com o intuito de promover, cada vez mais, a integração de ações, projetos e programas desenvolvidos nas escolas, articula seus diversos setores através das Gerências dos Anos Iniciais e dos Anos Finais do Ensino Fundamental (GAFEF e GIEFU), da Gerência de Coordenação da Educação Infantil (GCEDI), da Gerência de Educação de Jovens e Adultos (GERJA) e da Diretoria da Educação Integral (DIED), e apresenta a Mostra de Investigação Científica Escolar (MICE).

A MICE consiste em um evento anual que dá visibilidade às ações pedagógicas de “investigação e pesquisa”, orientadas por professores de diversas disciplinas da Rede Municipal de Educação de Belo Horizonte (RME/BH). O trabalho de ensino e aprendizagem por meio da investigação, pesquisa e resolução de problemas tem como um de seus objetivos incentivar professores(as) da Educação Infantil, dos Anos Iniciais e Finais do Ensino Fundamental, dos Projetos Geração Criativa e Geração Ativa, EJA, educadores(as) e monitores(as) do PEI (Programa Escola Integrada), a superar os constantes desafios que surgem cotidianamente no processo de ensino e aprendizagem e seus respectivos estudantes.

Com a iniciativa da Mostra pretende-se resgatar e reconstruir valores, conceitos, metodologias, práticas e, principalmente, permitir que estudantes da RME/BH se reconheçam como sujeitos da ação e do conhecimento em seu processo de formação escolar. Nesse sentido, este evento objetiva dar visibilidade aos trabalhos produzidos nas escolas e também oportunizar o protagonismo discente e docente.

Por meio do desenvolvimento de projetos contextualizados em pesquisa, a MICE pretende desenvolver nos estudantes as capacidades de planejar, executar e apresentar seus projetos, dando visibilidade aos resultados publicamente.

Nestas situações, o estudante passa de receptor de informações prontas e põe a mão na massa”; aprende a traçar caminhos por onde deve passar para atingir objetivos, aprende os benefícios da colaboração, aprende a pesquisar, constrói seu conhecimento, defende suas ideias, ouve as ideias dos outros, muda de opinião, tira conclusões e formata suas ideias de forma organizada para comunicá-las aos demais colegas. Portanto, através desta metodologia, pretende-se oportunizar aos estudantes, cenários pedagógicos que apresentem elementos do método científico.

O público-alvo atuante na MICE é composto por estudantes de todo o Ensino Fundamental, Educação Infantil e da EJA da RME/BH. A ideia é oferecer aos nossos estudantes, desde os anos iniciais de escolarização, espaço para o desenvolvimento de sua cognição, pensando na solução de problemas, no aprofundamento do conhecimento acerca de temas de interesse, no letramento científico, no desenvolvimento da sua criticidade e autonomia, dentre outros.

A proposta visa ofertar espaço de exposição de trabalhos realizados pelos diversos profissionais da educação, de todas as áreas. Afinal de contas, o método científico, a aprendizagem por investigação e a metodologia de projetos não representam campos de atuação restritos da disciplina de Ciências da Natureza. Pode-se desenvolver trabalhos dessa natureza em qualquer disciplina e ainda de forma trans, multi e interdisciplinar.


Histórico

A Secretaria Municipal de Belo Horizonte realiza, desde 2011, o evento anual: Feira de Ciências, Cultura & Tecnologia- FCC&T, que dá visibilidade às ações pedagógicas de investigação e pesquisa, orientadas por professores das diversas áreas do conhecimento. O primeiro evento foi realizado em 2011 e permaneceu com esse nome até 2016. Em 2017, foi renomeado como Mostra de Investigação Científica Escolar- MICE.

Abaixo, alguns dados dos últimos anos:

2015- 74 trabalhos 55 unidades de ensino. Local do evento – POEINT Barreiro.

2016- 66 trabalhos de 51 unidades de ensino, 3400 visitantes, sendo 3220 estudantes. Local do evento – POEINT Barreiro.

2017- 76 trabalhos de 55 unidades de ensino. Cerca de 3000 visitantes, sendo 2500 estudantes. Local do evento – Estação Ecológica da UFMG.

2018- 57 trabalhos de 44 unidades de ensino. Local do evento – PLUG MINAS.

2019- 64 trabalhos de 35 unidades de ensino. Local do evento- Parque Municipal Américo Renné Giannetti. Cerca de 384 estudantes participaram do evento com apresentações de trabalhos.