Pular para o conteúdo principal

Programa de Desenvolvimento Tecnológico em Saúde

Programa Desenvolvimento Tecnológico em Saúde
Arte PBH
atualizado em 21/01/2021 | 13:36

 

O Programa de Desenvolvimento Tecnológico em Saúde, da Prefeitura de Belo Horizonte, tem como objetivo selecionar e incentivar projetos/startups inovadores de desenvolvimento de produtos e serviços em saúde pública a serem acelerados por meio do Programa de Desenvolvimento Tecnológico em Saúde da PBH.

 

A Prefeitura Municipal de Belo Horizonte (PBH), por meio das Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (SMDE) em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde (SMSA), visa também, por intermédio desse Programa, estimular a criação de novas oportunidades de negócios em tecnologia da saúde em Belo Horizonte, reforçando o posicionamento que se pretende alcançar como Cidade da Saúde.

 

Além de fortalecer a conexão entre dois importantes setores da economia de Belo Horizonte (Saúde e Tecnologia da Informação), o Programa intenta apoiar o desenvolvimento de soluções para o enfrentamento da pandemia da COVID-19, além de incentivar inovações para o contexto pós-pandemia em saúde pública.

 

A aceleração de startups é um dos pilares do Programa de Desenvolvimento Tecnológico em Saúde da PBH e consiste em uma imersão empreendedora de 08 semanas que oferece suporte na construção de estratégias adequadas, no desenvolvimento de pilotos para a inserção de uma nova solução (produto/processo/serviço/sistema) no mercado e o desenvolvimento de habilidades empreendedoras da equipe.

 

SOBRE O PROGRAMA

 

Será dividido em 4 momentos:

  • Team Selection (seleção equipes para a fase de entrevistas e posterior indicação de equipes para participação no programa)
  • BioBusiness Model (desenvolvimento e teste de viabilidade do modelo de negócio da solução)
  • Labs (desenvolvimento de estratégia, com suporte de especialistas, para iniciar ou aprimorar a atuação da empresa no mercado)
  • Demoday Virtual (realização de evento em que as equipes mais bem pontuadas apresentam a sua solução/estratégia para investidores/potenciais parceiros, quando também será anunciada a equipe vencedora)

 

PARA QUEM É O PROGRAMA

O Programa é para startups:

  • provenientes de quaisquer estados brasileiros, que tenham interesse em atuar no município de Belo Horizonte;

  • que buscam validar e inserir no mercado soluções (biotecnológicas/hard sciences, medical devices e digital health) que contribuem para minimizar o contágio e/ou acelerar a recuperação dos impactos causados pela pandemia de COVID-19, tais como:

 

1) Solução para a gestão do trabalho/processos em saúde pública;

2) Solução para investigações epidemiológicas georeferenciadas, contemplando monitoramento e gestão das informações, indicadores de saúde, bem como análise preditiva;

3) Soluções relacionadas à eliminação do vírus; mitigação da sua propagação; possíveis tratamentos e/ou vacinas.

4) Solução de coleta, manutenção e saneamento de banco de cadastros, sem necessidade de intervenção humana.

 

  • Cujas soluções estejam em uma das seguintes fases de desenvolvimento:

  • Beta: a equipe está realizando testes e exercícios de validação, o que pode incluir (mas, não se limita à construção de protótipo; atividade de bancada; realização de testes-piloto; provas de conceito; escalonamento; e, construção de Mínimo Produto Viável (MVP);

  • Launched: a equipe finalizou os testes e validações, inseriu a solução no mercado, mas não possui tração comercial, ou seja, conta com usuários ou clientes pagantes, mas precisa aprimorar a sua solução e ampliar o seu alcance de mercado.

 

Não serão aceitas inscrições de soluções em fase de ideia.


PERGUNTAS FREQUENTES

 

1- Onde faço as inscrições?

As inscrições devem ser realizadas por meio do link https://conteudo.biominas.org.br/aceleracao-pbh

 

2- Quem pode participar?

São consideradas elegíveis inscrições provenientes de quaisquer estados brasileiros, que tenham interesse em atuar no mercado da cidade de Belo Horizonte, realizadas por equipes que possuem soluções que contribuem para minimizar o contágio e/ou acelerar a recuperação dos impactos causados pela pandemia de COVID-19, tais como:

 

  1. Solução para a gestão do trabalho/processos em saúde pública;
  2. Solução para investigações epidemiológicas georeferenciadas, contemplando monitoramento e gestão das informações, indicadores de saúde, bem como análise preditiva;
  3. Soluções relacionadas à eliminação do vírus; mitigação da sua propagação; possíveis tratamentos e/ou vacinas.
  4. Solução de coleta, manutenção e saneamento de banco de cadastros, sem necessidade de intervenção humana.

 

Além disso, serão aceitas soluções que estejam nas seguintes fases de desenvolvimento:

 

  • Beta: a equipe está realizando testes e exercícios de validação, o que pode incluir (mas, não se limita à construção de protótipo; atividade de bancada; realização de testes-piloto; provas de conceito; escalonamento; e, construção de Mínimo Produto Viável (MVP);

  • Launched: a equipe finalizou os testes e validações, inseriu a solução no mercado, mas não possui tração comercial, ou seja, conta com usuários ou clientes pagantes, mas precisa aprimorar a sua solução e ampliar o seu alcance de mercado.

  

3- O Programa de Desenvolvimento Tecnológico em Saúde da PBH é uma capacitação ou uma competição?

Ambos! Durante o programa, os participantes serão capacitados quanto à aspectos de negócios e gestão, e também na parte técnica, aprendendo sobre inovação tecnológica de forma prática. Para isso, acreditamos que uma competição entre as equipes inscritas é saudável, gerando mais dedicação dos participantes e senso de comunidade.

 

4- Tenho que pagar para participar?

Não! O Programa de Desenvolvimento Tecnológico em Saúde da PBH é gratuito.

 

5- O Programa Programa de Desenvolvimento Tecnológico em Saúde da PBH oferece bolsas-auxílio?

O Programa de Desenvolvimento Tecnológico em Saúde não oferece bolsas-auxílio aos participantes.

 

6- Quem organiza o Programa de Desenvolvimento Tecnológico em Saúde da PBH?

Esta é uma iniciativa conjunta entre a Prefeitura Municipal de Belo Horizonte (PBH), por meio das Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (SMDE) em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde (SMSA) e a Fundação Biominas.

  

7- Qual é o objetivo do programa?

O programa Programa de Desenvolvimento Tecnológico em Saúde da PBH visa estimular a criação de novas oportunidades de negócios em tecnologia da saúde em Belo Horizonte, reforçando o posicionamento que se pretende alcançar como Cidade da Saúde. Além de fortalecer a conexão entre dois importantes setores da economia de Belo Horizonte (TI e Saúde), o programa visa apoiar o desenvolvimento de soluções para o enfrentamento da pandemia da Covid-19, mas também apoiar inovações para o contexto pós-pandemia em saúde pública.

  

8- Quando acontece?

O programa tem início no dia 08/03/21 e tem término previsto para 30/04/21.

  

9- Qual é a duração do programa?

O programa tem a duração de 08 semanas corridas.

 

10- Que tipo de projeto participa do Programa de Desenvolvimento Tecnológico em Saúde da PBH?

Projetos cujas soluções que contribuem para minimizar o contágio e/ou acelerar a recuperação dos impactos causados pela pandemia de COVID-19 e que estejam na fase de desenvolvimento beta ou Launched. Não serão aceitos projetos na fase de ideia.

 

11- Tenho um projeto em estágio inicial de desenvolvimento. Posso me inscrever?

Não serão aceitos projetos na fase de ideia.

 

12- Quem participa do processo seletivo?

O processo seletivo será realizado por uma comissão de avaliadores formada por especialistas técnicos, de negócios e representantes da PBH e também da Biominas Brasil.

 

13- Qual é o cronograma?

Lançamento da Chamada - 14/01/2021
Prazo para inscrição - Até 21/02/2021
Anúncio das startups selecionadas - A partir de 03/03/2021
Início da Rodada - 08/03/2021
Término da Rodada - 30/04/2021